A nova Tiger Sport tem, com preço sugerido de R$ 45.990,00 - Divulgação

A nova Tiger Sport tem, com preço sugerido de R$ 45.990,00 – Divulgação

A partir desta semana, começam a chegar as concessionárias a nova Tiger Sport, com preço sugerido de R$ 45.990,00. Com uma proposta mais ousada e esportiva, a nova motocicleta vem somar-se a outros quatro modelos da linha Tiger que já são comercializados com muito sucesso no Brasil: Tiger 800, Tiger 800XC, Tiger Explorer e Tiger Explorer XC, que atualmente já respondem, juntos, por cerca de 60% das vendas da marca no País.

 

“O Brasil é um dos maiores mercados do mundo para a família Tiger em volume de vendas. Com a Tiger Sport, esperamos que a linha passe a representar perto de 70% das vendas da Triumph no País”, explica Marcelo Silva, gerente geral da Triumph Motorcycles no Brasil. Em 2013, primeiro ano cheio de atuação da fabricante inglesa no mercado brasileiro, a Tiger teve 1.482 motocicletas comercializadas, de um total de 2.500 unidades vendidas no período. Em 2014, entre janeiro e julho, já foram negociadas 1.270 motos, diante de um volume total de 2.168 motos.

 

O sistema de iluminação foi replanejado, e conta com quatro novos faróis do tipo refletor em substituição aos de projeção - Divulgação

O sistema de iluminação foi replanejado, e conta com quatro novos faróis do tipo refletor em substituição aos de projeção – Divulgação

A Tiger Sport é uma motocicleta com vocação mais esportiva e novo design. É uma moto de rua com estilo de aventura, voltada para o piloto que prefere concentrar-se no prazer de pilotar uma motocicleta: um motor forte com condução estável e uma posição de pilotagem para se adequar a diferentes tipos de estrada. Além disso, a nova Tiger Sport vem de fábrica com um bônus extra, através do trabalho cuidadoso da Triumph para reforçar o seu chassi e modernizar sua suspensão, permitindo saídas mais seguras das curvas. Como resultado, o modelo ficou ainda mais fácil de pilotar e confortável.

 

A parte traseira da Tiger Sport é completamente nova. O modelo conta com novos painéis laterais e um protetor inferior do motor criado especificamente para esta versão. A dianteira também foi modificada com todos os componentes visíveis renovados, tais como, o para-brisa redesenhado, que conferiu à moto uma aparência mais elegante, mais esportiva e mais moderna, com uma postura determinada. Ideal para o uso diário, mas também capaz de percorrer longas distâncias com conforto e segurança, a Tiger Sport é uma motocicleta esportiva do “mundo real”, potente, ágil e divertida. Esta agilidade é resultado do eficiente motor Triumph de três cilindros em linha, com 1.050 cc. O sugestivo som do motor, típico de um três cilindros, foi também aperfeiçoado.

 

A Tiger Sport encara estradas de todo tipo, mas pode ser usada na cidade com conforto - Divulgação

A Tiger Sport encara estradas de todo tipo, mas pode ser usada na cidade com conforto – Divulgação

O novo modelo ainda consome menos gasolina pelo trabalho de calibração na injeção eletrônica de combustível. Assim os engenheiros da Triumph conseguiram aprimorar não só o desempenho, mas também o consumo do motor. Por isso, a Tiger Sport consegue rodar cerca de 7% mais com cada tanque de combustível. Alguns itens foram especialmente desenvolvidos para o novo modelo, como a balança unilateral, que ganhou uma aparência mais esportiva e ainda criou mais espaço para o novo escapamento e bagageiros maiores.

 

O sistema de iluminação também foi replanejado, e conta com quatro novos faróis do tipo refletor, que substituem os anteriores faróis de projeção, reduzindo o peso, mudando o aspecto da moto e melhorando substancialmente o desempenho da iluminação.

 

Um conjunto de pequenas inovações também melhorou a ergonomia da Tiger Sport, incluindo o assento do piloto mais baixo (5 mm a menos) e mais estreito na frente, o que reduziu substancialmente a distância do chão, uma estratégia que tornou a moto mais acessível a um número muito maior de pilotos, particularmente os de menor estatura. O assento também é mais extenso, para criar mais espaço para pilotos mais altos. O guidão é mais baixo e mais próximo do piloto para se adequar à sua natureza esportiva, proporcionando uma sensação mais direta, enquanto o novo para-brisa oferece melhor proteção contra o vento. O assento traseiro também é mais baixo, deixando o garupa sentado totalmente atrás do piloto e, portanto, com melhor proteção contra o vento.

 

O novo subquadro traseiro não só rebaixa o banco do passageiro como também é mais forte, o que permite encaixe de bagageiros opcionais maiores, capazes de armazenar um capacete integral, com o dobro da carga dos anteriores. O pioneiro Sistema Dinâmico de Bagagem da Triumph usa um cabo de interligação entre as caixas para isolar o movimento induzido por turbulência do chassi. A Tiger Sport teve, ainda, a sua geometria revisada. O ângulo de direção ficou um pouco mais íngreme, em meio grau, e a distância entre eixos cresceu ligeiramente – o suficiente para melhorar a precisão na pilotagem, as respostas e a estabilidade em qualquer situação. Além disso, a suspensão totalmente regulável foi integralmente remodelada, com novas molas e amortecimento com válvulas diferenciadas, para dar à Tiger Sport maior capacidade de rodar com segurança com a capacidade adicional de carga.

 

O novo modelo está cheio de toques inteligentes, como o material mais resistente na parte inferior do assento, apoios bem moldados para os pés, costura colorida no assento, suporte do bagageiro em alumínio com um belo visual, o estilo dos novos garfos e as carcaças laterais do motor. Até mesmo as capas da extremidade do guidão são projetadas para oferecer um visual agradável, enquanto sob o assento não há apenas espaço para guardar a trava da roda, mas também há um porta-luvas exclusivo. A motocicleta começa a ser vendida no Brasil com uma grande variedade de acessórios e com duas opções de cores: Branco (Crystal White & Phanton Black) e Vermelho (Diablo Red & Phantom Black).