O alemão Nico Rosberg vence pela primeira vez o GP da Itália, disputado domingo (4), em Monza, e reduziu, assim, a vantagem de Lewis Hamilton para dois pontos, ou seja, 250 contra 248 pontos. O inglês da Mercedes errou na largada e perdeu seis posições, mas graças a estratégia de paradas para trocas de pneus conseguiu terminar em segundo, seguido por Sebastian Vettel, da Ferrari. Pontuaram, ainda, Kimi Räikkönen, Daniel Ricciardo, da RBR, Valtteri Bottas, da Williams, Max Versttapen, da Red Bull, Sergio Pérez, da Force India, Felipe Massa e Nico Hülkenberg, respectivamente. Felipe Nasr bateu, abandonou e terminou em último.   A corrida de Monza foi morna, em termos de emoção. O único momento interessante foi na largada. Hamilton largou da pole, mas errou e perdeu seis posições. A esperada corrida de recuperação, como a da etapa anterior, em Spa-Francorchamps, na Bélgica, não aconteceu. Informado pelos boxes, via rádio, o inglês deteve-se a esperar pelas trocas Continue lendo [...]