Nico Rosberg - RICARDO RIBAS Skip to content

RICARDO RIBAS

Jornalismo feito por jornalista

Archive

Tag: Nico Rosberg
  Max Verstappen venceu de forma convincente o GP da Espanha, disputado domingo (15), no circuito de Jerez de La Frontera, sua primeira corrida a bordo do Red Bull. “É uma sensação incrível e eu nem posso acreditar. Foi uma grande corrida. Eu tenho que dizer obrigado à equipe. Eu sou muito jovem e meu pai (Jos) me ajudou muito. Isso é incrível”. Essa foi a frase de Max Verstappen, o mais jovem vencedor da história da Fórmula 1 com 18 anos, sete meses e quinze dias). Antes, o detentor deste triunfo era o hoje tetracampeão mundial Sebastian Vettel (22 anos e 210 de vida), terceiro colocado. Kimi Räikkönen terminou em segundo.     Titular da Red Bull, o australiano Daniel Ricciardo, que liderou boa parte da prova, terminou em quarto – poderia ter subido ao pódio, mas teve um pneu furado na penúltima volta. Valtteri Bottas, da Williams, recebeu a quadriculada em quinto, seguido por Carlos Sainz (Toro Rosso), Sergio Pérez (Force India), Felipe Massa. Jenson Button Continue lendo [...]
  Nico Rosberg vence de ponta a ponta o GP da Rússia, disputado domingo (1º) no circuito de Sóchi, e com o resultado soma sete vitórias consecutivas, sendo quatro nesta temporada. Em segundo terminou o tricampeão mundial Lewis Hamilton, seguido de Kimi Räikkönen, da Ferrari. Com 100% de aproveitamento, o alemão da Mercedes atingiu 100 pontos na tabela de pontos ante 57 do inglês e 43 de Räikkönen.     A primeira curva do GP da Rússia foi tumultuada. Rosberg largou bem e conseguiu segurar a primeira posição, enquanto Valtteri Bottas disputou freada com Räikkönen, seguido por Felipe Massa e Vettel, que punido por cinco posições fez por onde para se recuperar. Mesmo comportamento de Hamilton, que sequer entrou na disputa pela pole no sábado e largou da décima posição para cumprir o primeiro giro em quinto. Hamilton soube sair da pancadaria promovida pelo russo da Red Bull, que, possivelmente, esqueceu que corrida se ganha na bandeirada e não na primeira curva. Continue lendo [...]
  Nico Rosberg, da Mercedes, larga da pole-position na GP da Rússia, a ser disputado domingo (1º), no circuito de Sóchi, ao lado de Valtteri Bottas, da Williams. O alemão contou de novo com a falta de sorte de seu companheiro de equipe, Lewis Hamilton, que teve problemas na unidade de força e sequer entrou na pista no Q3 e larga da décima posição. A sorte também não tem acompanhado Sebastian Vettel, da Ferrari, que apesar de ter conquistado a segunda posição foi punido e sairá em sétimo. Melhor para Felipe Massa, que herdou uma posição e largará ao lado de Kimi Räikkönen. Nasr, da pré-falimentar Sauber, marcou apenas o 19º tempo. Mas a corrida promete.   Largando atrás, se não tiver mais problemas, Hamilton reúne condições técnicas para fazer uma prova de recuperação, como no espetacular GP da China, quando largou em último e terminou em terceiro. O mesmo vale para o tetracampeão mundial Sebastian Vettel. A Ferrari evoluiu e é hoje a segunda força Continue lendo [...]
  Diferentemente do chato, quase insuportável treino de classificação, o GP do Bahrein, disputado no circuito de Sakhir, domingo, ofereceu aos torcedores uma prova com várias alternativas. O vencedor foi Nico Rosberg, da Mercedes, seguido de Kimi Räikkönen, da Ferrari, e Lewis Hamilton. Esse foi o segundo triunfo no ano de Rosberg, o quinto seguido, somando-se aos três do final da temporada passada, a 16ª na carreira, igualando-se ao inglês Stirling Moss. Felipe Massa terminou em sétimo.     Quem precisa afastar a urucubaca é tricampeão mundial Lewis Hamilton, que perdeu a posição de honra logo na largada para seu companheiro de equipe, além de ter sido acertado por Valtteri Bottas, da Williams, na primeira curva, rodou e caiu para a sétima posição. Foi um acidente de corrida, claro, mas obrigou o inglês a fazer uma corrida de recuperação e terminar a etapa barenita em terceiro, atrás de Kimi Räikkönen, da Ferrari. Mesma sorte não teve o companheiro do Continue lendo [...]
  Lewis Hamilton, da Mercedes, brilhou solitário no novo sistema de classificação e vai largar na posição de honra no GP da Austrália, etapa que abre a temporada 2016 da Fórmula 1. Nico Rosberg completa a primeira fila e na segunda largam os pilotos da Ferrari Sebastian Vettel e Kimi Räikkönen, respectivamente. Entre os brasileiros, Massa larga em sexto e Nasr em 17º. O novo formato de formação do grid ficou bem interessante até o Q2, quando a cada 90 segundos um piloto é desclassificado, mas teve uma quebra de clímax total no Q3. A sempre esperada disputa pela pole não aconteceu e, certamente, frustrou quem permaneceu com os olhos pregados na televisão. Sem condições de lutar pela ponta os pilotos foram abandonando a pista, e o que poderia manter o ritmo de corrida caiu no vazio.     É inegável que o novo sistema de classificação trouxe emoção extra. Carros e pilotos que antes só eram vistos ao abandonarem a prova agora têm mais tempo de Continue lendo [...]
  O alemão Nico Rosberg venceu de ponta a ponta o sem graça GP do Brasil, disputado domingo (15) no Autódromo de Interlagos, e  garantiu o vice-campeonato da temporada 2015 da Fórmula 1. O tricampeão mundial Lewis Hamilton, que sonhava com uma vitória no autódromo paulistano terminou em segundo seguido de Sebastian Vettel, da Ferrari, que fez uma corrida isolada, e nem se vencer em Abu Dhabi terá condições matemáticas de passar seu compatriota na tabela de pontos. O campeonato e vice estão definidos. Ponto!     Depois do sacode que tomou do inglês, Rosberg parece que tomou tento e sabe que precisa se firmar dentro da equipe, possivelmente para entrar na temporada de 2016 com a moral, no mínimo, mais equilibrada do que nesta, quando conquistou cinco vitórias, a 13ª em sua carreira na principal categoria do esporte a motor mundial. O alemão da Mercedes tem velocidade, mas peca em consistência e equilíbrio emocional. Não fossem esses detalhes, ele não teria Continue lendo [...]
  Sebastian Vettel venceu de ponta a ponta o GP de Cingapura, disputado domingo (20) no circuito de Marina Bay, seguido por Daniel Ricciardo, da Red Bull, e Kimi Räikkönen. Com o resultado, o alemão superou a marca de 41 vitórias de Ayrton Senna e entra na briga pelo vice-campeonato com Nico Rosberg, da Mercedes, que terminou a corrida na quarta posição e com o abandono de Lewis Hamilton com problemas mecânicos conseguiu reduzir doze pontos na tabela de pontos. Valtteri Bottas, da Williams, terminou quinta posição seguido de Daniil Kvyatt, da Red Bull, Sergio Pérez, da Force India, Max Verstappen e Carlos Sainz Jr., ambos da STR, e Felipe Nasr, respectivamente.   A largada do GP de Cingapura foi normal para quem estava na frente, mas complicada para quem largou da metade para o final do grid. Isto porque a Toro Rosso de Max Verstappen ficou parada e, em tese, poderia provocar um acidente, o que, por sorte, não aconteceu. Na dianteira, Vettel puxava o pelotão, chegando Continue lendo [...]
  O tetracampeão mundial Sebastian Vettel, da Ferrari, interrompeu o domínio até agora absoluto da Mercedes e vai largar na pole-position no GP de Singapura, a ser disputado domingo (20) no circuito de Marina Bay. Na primeira largará o australiano da Red Bull Daniel Ricciardo. Kimi Räikkönen, da Ferrari, cravou o terceiro melhor tempo seguido Daniil Kviat (Red Bull), que foi a sensação nos primeiros treinos livres ao marcar o melhor tempo. Esse russo promete colocar tempero na corrida. Já os pilotos da Mercedes fizeram um treino atípico pelo histórico da temporada, e forma a terceira fila com o atual líder na tabela de pontos, Lewis Hamilton, o quinto no grid, ao lado de Nico Rosberg. Os pilotos da Mercedes creditaram aos pneus o fraco desempenho nos treinos, o que não significa que farão uma corrida pífia, principalmente do inglês, que está com uma mão e meia na taça de campeão mundial deste ano.     A pole de Vettel fez mais estrago ao impedir que Hamilton Continue lendo [...]