Skip to content

RICARDO RIBAS

Jornalismo feito por jornalista

Archive

Tag: Mark Webber
O ator James Marsden, Mark Webber, e os DJs Hannah Bronfman e Brendan Fallis participaram, dia 16 do The Quail. Continue lendo [...]

 

O tetracampeão da F1 por antecipação Sebastian Vettel venceu de ponta a ponta o GP dos Estados Unidos domingo (17) e bateu mais um recorde, o de oito vitórias seguidas no campeonato, uma sequência estabelecida por seu compatriota Michael Schumacher em 2004. Vettel não encontrou em nenhum instante adversário com sua envergadura, disparou na ponta e lá esteve até a bandeirada final no Circuito das Américas. A corrida foi chata. Só não foi sonolenta pela disputa foi protagonizada por Romain Grosjean, da Lotus, e Mark Webber, da Red Bull, nas voltas finais. O pega foi vencido pelo francês. Webber fechou o top-3.
 
Quem não foi nada bem e tem motivos de sobra para esquecer o final de semana foi Felipe Massa. Sua Ferrari, mas uma vez, teve um desempenho medíocre na corrida e só ratificou o que proporcionou ao brasileiro durante os treinos. Sem carro, Massa fez o que pode para terminar na 13ª colocação. Fernando Alonso, mesmo reclamando de dores nas costas, acabou em Continue lendo [...]

 

Ignorante! Assim pode ser defina a sétima vitória consecutiva de atual tetracampeão mundial de F1 Sebastian Vettel, desta vez no circuito de Yas Marina, em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes, domingo (3). O alemão da Red Bull pode-se dizer, correu sozinho e liderou a prova de ponta-a-ponta. A disputa ficou pela segunda colocação e quem se deu melhor foi seu companheiro de equipe, o australiano Mark Webber, seguido de Nico Rosberg, da Mercedes. Relembrando, Vettel já havia vencido os GPs da Bélgica, Itália, Cingapura, Coreia do Sul, Japão, Índia e agora em Abu Dhabi. Com mais um triunfo, o alemão iguala um recorde de vitórias na F1, até hoje, de Alberto Ascari e Michael Schumacher. Alguém duvida que ele detone esse recorde?
 
Você deve estar se perguntando o motivo pelo qual eu me referi a Vettel como ignorante, correto? A resposta é simples e vem da pista. O alemão passou com facilidade o pole-position Mark Webber para assumir a liderança da prova, imprimir Continue lendo [...]

 

Mark Webber cravou a pole-position para o GP de Abu Dhabi, que será disputado domingo (3) no circuito de Yas Marina. O australiano, que está a três provas de se despedir definitivamente da F1 irá dividir a primeira fila com seu companheiro de equipe, o tetracampeão mundial Sebastian Vettel. Webber não correu para cravar a melhor volta, ele voou baixo no Q3 para parar o cronômetro com o tempo de 1min39s957, ante 1min40s075 de Vettel. A seguir veio a dupla da Mercedes, formada Nico Rosberg e Lewis Hamilton, respectivamente, que largará na segunda fila, mas com uma desvantagem de 0s5 para a equipe dos energéticos, que, como seu piloto, comemora o tetracampeonato no Mundial de Construtores. Kimi Räikkönen e Nico Hülkenberg vão dividir a terceira fila do grid, seguidos de Romain Grosjean e do brasileiro Felipe Massa. Sergio Pérez e Daniel Ricciardo completam os dez primeiros colocados em Abu Dhabi. Está estranhando a ausência de Fernando Alonso? Já te conto o que aconteceu.
 
 

A Continue lendo [...]

 

Sebastian Vettel é tetracampeão mundial de Fórmula 1. O piloto alemão da Red Bull tornou-se, aos 26 anos, três meses e 24 dias, o mais jovem tetracampeão do Mundo de Fórmula 1, ao vencer o Grande Prêmio da Índia, a 16ª das 19 provas do calendário, desbancado seu compatriota Michael Schumacher, que alcançou essa marca aos 32 anos. Ele passa a integrar a lista dos mitos da categoria, ao lado de Alberto Ascari, Alain Prost e Michael Schumacher.
 
No ano passado, quando conquistou o tricampeonato, Vettel já havia entrado para a restrita lista dos tricampeões, juntando-se ao australiano Jack Brabham, ao escocês voador Jackie Stewart, ao austríaco Nicky Lauda e aos brasileiros Nelson Piquet e Ayrton Senna. Fora isso, esta foi a décima conquista de Vettel nesta temporada, sendo a sexta consecutiva. O tetracampeão venceu todas das provas disputadas na Índia, que deve deixar o calendário da F1 em 2014.
 
Para conquistar o seu quarto título consecutivo, Vettel precisava Continue lendo [...]

 

Quem vai parar Sebastian Vettel? Por enquanto ninguém. O alemão da Red Bull tinha a oportunidade de conquistar o tetracampeonato já no GP do Japão, domingo (13), mas, mesmo com uma mão e quatro dedos no campeonato de 2013, a sorte não sorriu com todos os dentes para ele, que largou em segundo, caiu para terceiro ainda na largada e esperou a abertura da primeira janela de troca de pneus para, aí sim, mostrar quem é quem no certame, passar o sensacional Romain Grosjean e Mark Webber e conquistar sua nova vitória no ano, seu quinto triunfo seguido. Para chegar ao tetra, entretanto, o ferrarista Fernando Alonso, não poderia cruzar a linha de chegada abaixo da nona posição, foi quarto. Agora com 75 pontos de vantagem sobre o asturiano, se Vettel vencer na Índia no próximo domingo, ele pode antecipar suas férias ou ver o restante da temporada pendurado na mureta. O alemão, repito, é fera, está na melhor equipe e a sintonia fina do conjunto bem ajustada.
 
 

O GP Continue lendo [...]

 

Mark Webber conquistou a pole position para o Grande Prêmio de Suzuka, no Japão, cravando sua melhor volta com o tempo de 1min30s915, conseguindo uma pequena margem de vantagem sobre Vettel, que completa a primeira fila graças ao tempo de 1min31s089. O australiano andou rápido em todos os treinos e, desta vez, conseguiu superar o companheiro de Red Bull Sebastian Vettel. O brasileiro Felipe Massa largará em quinto, de novo, à frente de Fernando Alonso, que marcou o oitavo melhor tempo.
 
Na segunda fila alinha o inglês Lewis Hamilton, terceiro, ao lado do franco-suíço Romain Grosjean, da Lotus. Felipe Massa forma terceira fila depois de marcar o quinto melhor tempo (1min31s378) e terá a companhia do alemão da Mercedes Nico Rosberg, o sexto, com 1min31s397. Ao contrário de Massa, seu companheiro de Ferrari, Fernando Alonso, não conseguiu avançar e conseguiu marcar apenas o oitavo tempo (1min31s665). Vice-líder da temporada, o espanhol é o único piloto com mais chances Continue lendo [...]


 
Sebastian Vettel deitou, rolou, não tomou conhecimento da maldição, que apontava que quem larga na frente em Yeongam não vence, e contabilizou mais uma vitória de ponta a ponta, a oitava do ano, na madrugada de domingo (6), na Coreia do Sul. O alemão da Red Bull agora está não só prestes a conquistar o tetracampeonato, igualando-se, assim ao argentino Juan Manoel Fangio e seu compatriota Michael Schumacher, como entrar na categoria “mito” na principal categoria do automobilismo mundial já no GP do Japão. Será que alguém duvida disso? Eu não! A Red Bull fez um carro imbatível, tem um piloto excepcional e o conjunto equipe-condutor trabalhando em harmonia. Atrás de Vettel veio a dupla da Lotus, com Kimi Räikkönen, que largou em nono, seguido de Romain Grosjean.
 
Motivado e em franca ascensão, Nico Hülkenberg, da Sauber, terminou a prova sul-coreana na quarta posição com direito grande comemoração por ter enfrentado e vencido disputa sensacional contra Continue lendo [...]

 

Sebastian Vettel é “o cara” na atual temporada da F1. Sem tomar conhecimento dos concorrentes, o alemão da Red Bull cravou a pole-position, sábado (5) do GP da Coreia com o tempo de 1min37s202 e garantiu a terceira posição de honra consecutiva, a sexta no certame. O desafio do tricampeão é, agora, vencer quebrar a maldição que aponta que quem larga na pole não vence no circuito sul-coreano de Yeongam. Braço e máquina ele tem.
 
Se Vettel está com uma mão e meia no tetra é porque tem a Red Bull, um time bem afinado. Não fosse a punição sofrida por Mark Webber ao pegar carona do carro de Fernando Alonso em Cingapura, a equipe teria feito uma dobradinha em Yeongam. Teria, porque cravou o terceiro melhor tempo no Q3. O australiano perdeu dez posições com isso e largará no meio do pelotão, na 13ª posição. Lewis Hamilton, da Mercedes, que larga na primeira fila ao lado de Vettel.
 
Com a punição de Webber, Romain Grosjean, da Lotus, fez o quarto melhor Continue lendo [...]

 

O tricampeão mundial de F1 da Red Bull Sebastian Vettel, líder da temporada 2013 da Fórmula 1, conquistou sábado (21) a pole position para o Grande Prêmio de Cingapura ao cravar o tempo de 1min42seg841. Foi a quinta pole de Vettel este ano, a 42ª na carreira. Nico Rosberg, da Mercedes, conquistou o segundo lugar no grid, seguido por Romain Grosjean, da Lotus, Mark Webber, da RBR, e Lewis Hamilton. Já o brasileiro Felipe Massa, demitido da Ferrari, largará na sexta colocação, logo à frente de seu companheiro de equipe, o espanhol Fernando Alonso.
 
Como sempre, a Ferrari aguardou os últimos minutos do Q3 para liberar primeiro Massa e depois Alonso dos boxes, dando assim, margem mínima de erro aos pilotos. Felipe, que deixa o time de Maranello no final da temporada, substituído pelo finlandês Kimi Räikkönen, atualmente na Lotus, desceu a bota e, sem cometer deslize, cravou o sexto melhor tempo. Ainda com destino incerto, o brasileiro, apesar de anunciar que tem um Continue lendo [...]

 

O alemão tricampeão mundial Sebastian Vettel (Red Bull) venceu o Grande Prêmio de Itália de Fórmula 1 depois de dominar a corrida no circuito de Monza, domingo (8). Em segundo lugar chegou o cirúrgico ao espanhol Fernando Alonso (Ferrari) e ao companheiro de equipe Mark Webber, segundo e terceiro classificados, respetivamente. Com o resultado – o sexto triunfo na temporada –, Vettel se aproxima cada vez mais do tetra e reforça a liderança no campeonato do Mundo agora com 53 pontos de vantagem sobre Alonso. Destaque para a extraordinária largada de Felipe Massa, que saiu da quarta par a segunda posição logo na largada ao dar um “chega pra lá” em Alonso, o quinto no grid. O espanhol embutiu na traseira do carro do brasileiro, que não ofereceu resistência e cedeu a segunda posição na prova. A perseguição a Vettel, no entanto, foi em vão e o ferrarista terminou a 5s do vencedor. Massa foi o quarto colocado, fez uma corrida consistente e o resultado pode corroborar, Continue lendo [...]

 

O alemão Sebastian Vettel confirmou sua supremacia desde o primeiro treino e larga da pole-position no GP da Itália a ser disputado domingo (8) em Monza às 9 horas de Brasília. O líder da temporada cravou o tempo de 1min23s755 e divide a primeira fila com seu companheiro de Red Bull, o australiano Mark Webber, que ficou com o 2º melhor tempo no treino oficial (1min23s968). A surpresa do dia foi Nico Hulkenberg, da Sauber, que larga da 3ª posição (1min24s065) ao lado de Felipe Massa, o quarto na classificação, que fez sua melhor volta em 1min24s132. Alonso e Rosberg conseguiram a 5ª e a 6ª posições, respectivamente.
 
Ameaçado de perder a vaga na equipe de Maranello para a próxima temporada, Massa depende de uma boa apresentação em Monza. O contrato do brasileiro termina no final do ano e não sobe no mais alto degrau do pódio a quase 80 corridas, diferentemente de seu companheiro de equipe, Fernando Alonso, que com equipamento semelhante já venceu. O fraco Continue lendo [...]

 

O que parecia improvável aconteceu. O circuito de Silverstone não pertence mais ao Clube de Pilotos Britânicos (BRDC), revelou o jornal The Independent em reportagem publicada  sábado (17). O clube, proprietário do complexo, arrendou a tradicional pista inglesa para sanar as dívidas geradas pela construção dos novos boxes, inaugurados no GP da Inglaterra de 2011. A identidade do comprador, segundo a publicação, não foi revelada. Mas pode ser que seja uma empresa imobiliária já que nos últimos meses o BRDC conduziu negociações com o grupo MEPC.
 
O conselho do BRDC não concedeu permissão para vender o autódromo, apenas para arrendá-lo no sistema de leasing. Os novos donos, que, segundo o jornal, administrarão Silverstone por 150 anos, assumirão a responsabilidade pela promoção do GP da Inglaterra, bem como pelo pagamento das taxas exigidas pela FOM (Formula One Management).
 
O rombo no caixa do BRDC começou pelas reformas no circuito, obedecendo, assim, Continue lendo [...]

 

O tricampeão mundial Sebastian Vettel venceu o atabalhoado GP da Alemanha de F1 – sua primeira vitoria em casa, a 4ª nesta temporada e a 30ª de sua carreira –, domingo (7), seguido por Kimi Räikkönen e Romain Grosjean, ambos da Lotus. Fernando Alonso, da Ferrari, terminou na quarta posição, porém, parou o carro após a bandeirada, o que, pelo regulamento, pode ser punido por não levar seu carro até os boxes. Lewis Hamilton, o pole-position, nem de longe apresentou desempenho anotado nos treinos, foi quinto à frente de Jenson Button, da McLaren, e de Mark Webber, da Red Bull, que fez uma excelente prova de recuperação, de último a sexto colocado.
 
O início da corrida em Nurburgring foi marcado por incidentes. O primeiro envolveu Felipe Massa, que, de novo, fez uma ótima largada, mas abandonou a prova logo na quarta volta com um problema técnico em sua Ferrari a ser esclarecido. Ao contrário de Silverstone, onde os estouros dos pneus Pirelli foram destaque, Continue lendo [...]

 

A festa organizada pela torcida alemã em Nurburgring para comemorar uma possível pole position do tricampeão mundial Sebastian Vettel, melou. Quem jogou água no chopp da moçada foi o inglês Lewis Hamilton, a bordo de sua Mercedes com o cronômetro zerado. O piloto da equipe dos touros energéticos garantira, até então, a pole com o tempo de 1m29s501, mas Hamilton ainda estava fechando a volta e cravou 1m29s398, o que lhe garantiu a posição de honra no grid de largada do GP da Alemanha. Se servir de alento aos fãs, Vettel larga na primeira fila.
 
 

Destaque para Felipe Massa, que apresentou desempenho superior ao companheiro de Ferrari, Fernando Alonso durante toda a prática. Mas não se empolgue demais, caro leitor. A Ferrari foca todos os seus esforços em cima de Alonso, o queridinho de Maranello. A estratégia de mandar seus pilotos para a definição do grid com pneus médios, enquanto os demais concorrentes usaram compostos macios, deixa bem claro quem é Continue lendo [...]

 

Nico Rosberg venceu, domingo (30), o caótico Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1, disputado em Silverstone. O alemão da Mercedes foi beneficiado com o abandono de Sebastian Vettel no fim da prova ao enfrentar problemas com a caixa de câmbio. A etapa marcada pelos pneus Pirelli que, literalmente, viraram pó no asfalto britânico, forçando, assim, a entrada do carro de segurança por três vezes. Por outro lado, quem teve a corrida comprometida pelos incidentes com os pneus fizeram apresentações de gala, entre eles, Felipe Massa, que fez uma das melhores largadas ao partir da 11ª (ele seria 12º, mas ganhou uma posição após a punição a Paul di Resta) para a 5ª posição na primeira volta, Lewis Hamilton, caiu da primeira para a última posição, mas conseguiu se recuperar e terminar em quarto, colado em Fernando Alonso. O demissionário Mark Webber fez uma corrida espetacular e terminou em 2º.
 
Não fossem os pneus, portanto, o resultado poderia ter sido diferente. Continue lendo [...]

 

Perfeito! Essa palavra define o que fez Lewis Hamilton sábado (29), em Silverstone, ao conquistar a pole-position com o tempo de 1min29s607 e detonar o recorde para a pista, que era do tricampeão mundial Sebastian Vettel, com 1min29s615, registrado em 2010. O grande desempenho do inglês lhe rendeu a segunda pole na temporada e a 28ª na F1. Perfeita, também, foi a Mercedes, que, de longe, tem o melhor carro para classificação. Nico Rosberg larga da segunda posição no GP da Inglaterra, domingo (30). A decepção ficou com a Ferrari. Felipe Massa teve um desempenho abaixo do esperado. A F138 deixou o brasileiro na mão e, por isso, não conseguiu passar do Q2 e larga da 12ª posição.
 
O grande desempenho neste sábado rendeu ao inglês à segunda pole na temporada e a 28ª na Fórmula 1. E reiterou o domínio da Mercedes nos treinos. A equipe já havia faturado a pole em outras três etapas com Nico Rosberg. Desta vez, o alemão teve que se contentar com o segundo posto Continue lendo [...]

 

O que no começo do ano era só um rumor agora realidade. Mark Webber anunciou quinta-feira (27) que vai deixar a F1 e ingressará no programa da Porsche no Mundial de Endurance (WEC), no ano que vem. Com o anúncio, abre-se pela primeira vez em cinco anos uma vaga na Red Bull e o mais cotado para ficar com a vaga do australiano é Kimi Räikkönen, amigo pessoal de Sebastian Vettel.
 
“É uma honra ingressar na Porsche em seu retorno à categoria máxima em Le Mans e no Mundial de Endurance. A Porsche escreveu uma história como montadora e representa a tecnologia e o desempenho em seu mais alto nível. Estou muito ansioso por este novo desafio após minha passagem pela F1. A Porsche, sem dúvida, estabeleceu metas muito altas. Mal posso esperar para pilotar um dos protótipos mais rápidos do mundo”, declarou Webber.
 
Além de Webber, a Porsche já confirmou Neel Jani, Romain Dumas e Timo Bernhard em sua operação na LMP1. No ano que vem, a companhia de Stuttgart retorna Continue lendo [...]

 
 
 

O alemão Nico Rosberg controlou o tumultuado Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1 e conquistou a vitória domingo (26). Absoluto desde o primeiro treino livre, o piloto da Mercedes largou da primeira colocação, comandou a prova a seu bel prazer e vai colocar na prateleira o segundo troféu de vencedor de sua carreira 30 anos após seu pai Keke Rosberg também ser campeão no circuito de rua Principado. Os pilotos da Red Bull Sebastian Vettel e Mark Webber a seu lado no pódio. Lewis Hamilton, Adrian Sutil e Jenson Button completaram o top-6.
 
A corrida foi marcada por acidentes, a começar pela batida de Felipe Massa, quase uma reedição do de sábado. Na 30ª volta, Massa detonou seu Ferrari na entra da curva Saint Dévote, abandonou a corrida, e provocou a entrada do carro de segurança. A lambança da corrida, no entanto, não pararia ali. Pastor Maldonado e Max Chilton se tocaram na Tabacaria e o venezuelano foi arremessado contra a barreira de proteção, Continue lendo [...]

 

A estrela de Kimi Räikkönen brilhou e ele foi o mais rápido no circuito de Sakhir, onde será disputado o GP do Bahrein, domingo (21). Felipe Massa até que foi bem no primeiro treino livre do GP do Bahrein, terminando na primeira posição, mas terminou a segunda prática em quinto. O melhor tempo do finlandês da Lotus não chega ser uma surpresa já que ele foi o vencedor da primeira etapa desta temporada em Melbourne e surge, em tese, como um dos favoritos ao título ao lado de Fernando Alonso, que terminou o treino na quarta colocação, Sebastian Vettel, terceiro melhor do dia, e Lewis Hamilton, ainda se adaptando à nova casa, a Mercedes. Massa ficou atrás de seu companheiro de equipe, porém separados por uma margem bem mais estreita dos que as anotadas na primeira fase da temporada passada, o que é um bom sinal.
 
Kimi Räikkönen fechou sua melhor volta com o tempo de 1min34s154, obtida no segundo treino livre. Massa cravou o tempo de 1min34s552, inferior ao de 1min34s487 Continue lendo [...]