Skip to content

RICARDO RIBAS

Jornalismo feito por jornalista

Archive

Tag: Kimi Räikönnen
  Sebastian Vettel venceu de ponta a ponta o GP de Cingapura, disputado domingo (20) no circuito de Marina Bay, seguido por Daniel Ricciardo, da Red Bull, e Kimi Räikkönen. Com o resultado, o alemão superou a marca de 41 vitórias de Ayrton Senna e entra na briga pelo vice-campeonato com Nico Rosberg, da Mercedes, que terminou a corrida na quarta posição e com o abandono de Lewis Hamilton com problemas mecânicos conseguiu reduzir doze pontos na tabela de pontos. Valtteri Bottas, da Williams, terminou quinta posição seguido de Daniil Kvyatt, da Red Bull, Sergio Pérez, da Force India, Max Verstappen e Carlos Sainz Jr., ambos da STR, e Felipe Nasr, respectivamente.   A largada do GP de Cingapura foi normal para quem estava na frente, mas complicada para quem largou da metade para o final do grid. Isto porque a Toro Rosso de Max Verstappen ficou parada e, em tese, poderia provocar um acidente, o que, por sorte, não aconteceu. Na dianteira, Vettel puxava o pelotão, chegando Continue lendo [...]
Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio do Canadá, disputado domingo (7), no circuito Gilles Villeneuve, em Montreal, e conseguiu alargar para 17 pontos a diferença que separa de seu companheiro de equipe, Nico Rosberg, segundo na prova, na tabela de pontos. Surpresa da prova foi o terceiro lugar de Valtteri Bottas, da Williams, interrompendo, assim, a sequência da Ferrari no pódio. Esse foi o quarto triunfo do piloto britânico no Canadá e assume o segundo posto na tabela de vitórias, que pertencia a Nelson Piquete, e agora está atrás apenas do alemão Michael Schumacher, que subiu no lugar mais alto do pódio sete vezes.   Hamilton, que havia vencido três das quatro primeiras corridas da temporada, conseguiu se recuperar diante de seu companheiro de equipe, Nico Rosberg, que venceu duas provas seguida, respectivamente, os GPs da Espanha e de Mônaco, este último, por um erro de estratégia da equipe da estrela solitária, que tirou das mãos do britânico uma vitória certa. Continue lendo [...]
Lewis Hamilton, da Mercedes, foi o piloto do dia no terceiro dias de testes coletivos da pré-temporada 2014, dia 21, no circuito de Sakhir, no Bahrein. O inglês manteve o tempo de 1min34s263, conquistado ainda pela manhã, e não foi ameaçado pelos demais concorrentes. Com a melhor marca do dia – e da semana –, o campeão mundial de 2008 somou grande quilometragem ao dar várias voltas (67 no total), como se estivesse simulando um GP e ainda foi mais rápido que outro britânico, Jenson Button, da McLaren-Mercedes.   Dando a entender que se depender dos testes até agora realizados está no páreo, o veterano campeão mundial de 2010 Button conseguiu andar no mesmo tempo do novato sensação, Kevin Magnussen, que dia 20 foi o mais rápido, e terminou a sessão de sexta em segundo, rodando na janela de 1min34s. Felipe Massa, apesar de terminar o dia 2,8s mais lento que Hamilton, disse estar confiante na consistência da Williams-Mercedes. No entanto, Massa foi 1s6 mais veloz Continue lendo [...]
  Mark Webber cravou a pole-position para o GP de Abu Dhabi, que será disputado domingo (3) no circuito de Yas Marina. O australiano, que está a três provas de se despedir definitivamente da F1 irá dividir a primeira fila com seu companheiro de equipe, o tetracampeão mundial Sebastian Vettel. Webber não correu para cravar a melhor volta, ele voou baixo no Q3 para parar o cronômetro com o tempo de 1min39s957, ante 1min40s075 de Vettel. A seguir veio a dupla da Mercedes, formada Nico Rosberg e Lewis Hamilton, respectivamente, que largará na segunda fila, mas com uma desvantagem de 0s5 para a equipe dos energéticos, que, como seu piloto, comemora o tetracampeonato no Mundial de Construtores. Kimi Räikkönen e Nico Hülkenberg vão dividir a terceira fila do grid, seguidos de Romain Grosjean e do brasileiro Felipe Massa. Sergio Pérez e Daniel Ricciardo completam os dez primeiros colocados em Abu Dhabi. Está estranhando a ausência de Fernando Alonso? Já te conto o que aconteceu.     A Continue lendo [...]
  Sebastian Vettel já pode ser chamado de “Rei da Índia”. Pela terceira vez consecutiva, o alemão da Red Bull vai largar na frente no Grande Prêmio da Índia de Fórmula 1 ao cravar o tempo de 1min24s119 e reúne todos os componentes para deixar o circuito de Buddh com o título de o tetracampeonato da categoria. Para isso, domingo (27) Vettel precisa apenas de um quinto lugar para ser campeão independentemente de outros resultados.   Vettel divide a primeira fila com Nico Rosberg, da Mercedes, que fez 1min24s871, seguido de Lewis Hamilton (1min24s941), Mark Webber (1min25s047). Felipe Massa, de novo mais rápido que Alonso – o oitavo –, divide a terceira fila com Kimi Räikkönen.   A corrida em Buddh, que deve marcar o quarto título de Vettel na F1, está prevista para as 7h30 (horário de Brasília) com transmissão ao vivo pela TV Globo.   F1, GP da Índia, grid de largada:       Continue lendo [...]
  Mark Webber conquistou a pole position para o Grande Prêmio de Suzuka, no Japão, cravando sua melhor volta com o tempo de 1min30s915, conseguindo uma pequena margem de vantagem sobre Vettel, que completa a primeira fila graças ao tempo de 1min31s089. O australiano andou rápido em todos os treinos e, desta vez, conseguiu superar o companheiro de Red Bull Sebastian Vettel. O brasileiro Felipe Massa largará em quinto, de novo, à frente de Fernando Alonso, que marcou o oitavo melhor tempo.   Na segunda fila alinha o inglês Lewis Hamilton, terceiro, ao lado do franco-suíço Romain Grosjean, da Lotus. Felipe Massa forma terceira fila depois de marcar o quinto melhor tempo (1min31s378) e terá a companhia do alemão da Mercedes Nico Rosberg, o sexto, com 1min31s397. Ao contrário de Massa, seu companheiro de Ferrari, Fernando Alonso, não conseguiu avançar e conseguiu marcar apenas o oitavo tempo (1min31s665). Vice-líder da temporada, o espanhol é o único piloto com mais chances Continue lendo [...]
  Sebastian Vettel deitou, rolou, não tomou conhecimento da maldição, que apontava que quem larga na frente em Yeongam não vence, e contabilizou mais uma vitória de ponta a ponta, a oitava do ano, na madrugada de domingo (6), na Coreia do Sul. O alemão da Red Bull agora está não só prestes a conquistar o tetracampeonato, igualando-se, assim ao argentino Juan Manoel Fangio e seu compatriota Michael Schumacher, como entrar na categoria “mito” na principal categoria do automobilismo mundial já no GP do Japão. Será que alguém duvida disso? Eu não! A Red Bull fez um carro imbatível, tem um piloto excepcional e o conjunto equipe-condutor trabalhando em harmonia. Atrás de Vettel veio a dupla da Lotus, com Kimi Räikkönen, que largou em nono, seguido de Romain Grosjean.   Motivado e em franca ascensão, Nico Hülkenberg, da Sauber, terminou a prova sul-coreana na quarta posição com direito grande comemoração por ter enfrentado e vencido disputa sensacional contra Continue lendo [...]
  Sebastian Vettel é “o cara” na atual temporada da F1. Sem tomar conhecimento dos concorrentes, o alemão da Red Bull cravou a pole-position, sábado (5) do GP da Coreia com o tempo de 1min37s202 e garantiu a terceira posição de honra consecutiva, a sexta no certame. O desafio do tricampeão é, agora, vencer quebrar a maldição que aponta que quem larga na pole não vence no circuito sul-coreano de Yeongam. Braço e máquina ele tem.   Se Vettel está com uma mão e meia no tetra é porque tem a Red Bull, um time bem afinado. Não fosse a punição sofrida por Mark Webber ao pegar carona do carro de Fernando Alonso em Cingapura, a equipe teria feito uma dobradinha em Yeongam. Teria, porque cravou o terceiro melhor tempo no Q3. O australiano perdeu dez posições com isso e largará no meio do pelotão, na 13ª posição. Lewis Hamilton, da Mercedes, que larga na primeira fila ao lado de Vettel.   Com a punição de Webber, Romain Grosjean, da Lotus, fez o quarto melhor Continue lendo [...]