Skip to content

RICARDO RIBAS

Jornalismo feito por jornalista

Archive

Tag: GP do Bahrein
Lewis Hamilton, da Mercedes, não tomou conhecimento da concorrência e venceu o Grande Prêmio do Bahrein de Fórmula 1, disputado domingo (19) no circuito de Sakhir, e disparou na tabela de pontos do Mundial de Pilotos. Foi a terceira vitória em quatro corridas do inglês na temporada, a 36ª de sua carreira na F1. Em segundo lugar chegou Kimi Räikkönen, da Ferrari, seguido pelo visivelmente abatido alemão da Mercedes, Nico Rosberg.   Hamilton repetiu seu desempenho no GP da China e dominou todo final de semana, enquanto seu companheiro de equipe se viu as voltas com a evolução da Ferrari. Tanto assim que no final da etapa não teve condições de segurar o ímpeto de Räikkönen, destaque do dia, e teve de ceder à segunda posição na última volta da prova se valendo do momento em que os pneus da flecha de prata do alemão estavam completamente degradados. Räikkönen, que ainda negocia seu contrato para permanecer na equipe de Maranello no próximo ano, acelerou uma barbaridade Continue lendo [...]
  O alemão Nico Rosberg marcou a pole-position para o GP do Bahrein e colocou, pela segunda vez consecutiva na atual temporada, a Mercedes na frente do pelotão. O tricampeão mundial Sebastian Vettel dividirá a primeira fila, seguido dos ferraristas, Fernando Alonso e Felipe Massa, terceiro e quarto colocados, respectivamente. Rosberg, aparentemente, escondeu o jogo durante o Q1 e Q2 e desceu o pé direito no Q3 para estabelecer o melhor tempo com 1min32s:330, nove décimos mais veloz que a melhor volta dos treinos livres, cravada antes por Alonso.   Sebastian Vettel, por sua vez, não teve vida fácil e, literalmente, brigou com o RB9, que apresentou desequilíbrio, mas o alemão conseguiu encontrar, no braço, bons tempos em voltas lançadas, o que lhe rendeu lugar na primeira fila e superou o bicampeão Fernando Alonso, que cometeu um erro em sua última volta e vai largar na segunda fila na terceira posição ao lado de Massa, que, desta vez, foi favorecido pelas punições Continue lendo [...]
  A estrela de Kimi Räikkönen brilhou e ele foi o mais rápido no circuito de Sakhir, onde será disputado o GP do Bahrein, domingo (21). Felipe Massa até que foi bem no primeiro treino livre do GP do Bahrein, terminando na primeira posição, mas terminou a segunda prática em quinto. O melhor tempo do finlandês da Lotus não chega ser uma surpresa já que ele foi o vencedor da primeira etapa desta temporada em Melbourne e surge, em tese, como um dos favoritos ao título ao lado de Fernando Alonso, que terminou o treino na quarta colocação, Sebastian Vettel, terceiro melhor do dia, e Lewis Hamilton, ainda se adaptando à nova casa, a Mercedes. Massa ficou atrás de seu companheiro de equipe, porém separados por uma margem bem mais estreita dos que as anotadas na primeira fase da temporada passada, o que é um bom sinal.   Kimi Räikkönen fechou sua melhor volta com o tempo de 1min34s154, obtida no segundo treino livre. Massa cravou o tempo de 1min34s552, inferior ao de 1min34s487 Continue lendo [...]
Se a situação do GP do Bahrein estava seriamente comprometida pela revolta popular, provocando o adiamento da etapa de abertura do Mundial de Fórmula 1 deste ano, agora deu gargalo de vez. O rei do Bahrein, Hamad bin Isa Al Khalifa, decretou estado de emergência pelos próximos três meses por causa da manifestação pela saída do monarca daquele país. A informação foi divulgada pela BNA (Agência de Notícias Barenita) divulgada ontem (15). A medida foi tomada como parte das ações para conter os protestos políticos da população contra o governo de Hamad bin Isa Al Khalifa e do príncipe herdeiro, Hamad bin Salman Al-Khalifa. Além disso, cerca de 1000 mil soldados da Arábia Saudita e mais 500 dos Emirados Árabes foram enviados ao Bahrein para reforçar a segurança do país. Os dirigentes da F1 ainda não definiram o futuro da etapa do Bahrein. Existe a possibilidade de a prova de Sakhir ser encaixada no fim do ano, entre os GPs de Abu Dhabi – penúltimo da temporada Continue lendo [...]
Bernie Ecclestone, presidente da FOM, está decidido a recolocar o GP do Bahrein no calendário, depois do cancelamento da abertura da temporada 2011 por conta do levante popular pela queda do rei Hamad bin Isa Al-Khalifa e do príncipe herdeiro Salman bin Hamad Al-Khalifa. A momento sugerido por Bernie é entre o GP da Hungria e o da Bélgica — em agosto. Ecclestone (na foto à direita), inclusive, coloca nas mãos de Salman (na foto à direita) a responsabilidade de autorizar ou não a chegada da F1 a Sakhir. "Precisamos de uma prova no Bahrein.  Se o príncipe for da opinião de que seu país pode sediar uma corrida, voltaremos ao Bahrein", declarou. Num primeiro momento, a corrida pode acontecer em agosto, pois a média de temperatura no Bahrein passa dos 30ºC. "Acho que as equipes são sensíveis o suficiente até para correr no Bahrein durante a parada de verão, apesar das altas temperaturas, porque esta é a forma que poderemos apoiar o país", afirmou. "A FIA tem de mudar Continue lendo [...]
É uma ninharia se comparado com o que perdem todas as mídias do mundo Bernie Ecclestone afirmou ao jornal inglês Daily Telegraph, nesta quarta-feira (23), que vai fazer o máximo para encaixar novamente o GP do Bahrein no calendário 2011 da F1. Segundo o presidente da FOM (Formula One Management), não há nenhum tipo de pressão por parte da empresa que administra os direitos comerciais da categoria para que a prova seja reprogramada. "O que aconteceu no Bahrein é extremamente triste, mas há um mês todo mundo estava ansioso para a corrida. Ninguém tinha problema. Se tudo estiver pacífico, o que esperamos que aconteça, vamos tentar encaixar a corrida de volta", declarou o inglês, sem mencionar, no entanto, como ficarão os acordos firmados com estações de televisão, nas quais grades de programação previam a corrida e haviam negociado cotas de patrocínio. Ecclestone disse que, se a prova não for recolocada no calendário, Continue lendo [...]
Agora é oficial. Os testes de pré-temporada e o GP do Bahrein estão definitivamente cancelados. A etapa em Sakhir, que abriria o Mundial em 13 de março, foi adiada por conta dos violentos protestos da população barenita contra o governo. Ainda não está claro se a corrida vai acontecer em outra data ou se será cancelada. Os últimos , no entanto, devem acontecer no circuito de Barcelona. "Estamos ansiosos para receber os pilotos, as equipes e todos os envolvidos com a F1 em um futuro próximo", afirmou Zayed Alzayani, presidente do circuito do Bahrein. "O GP do Bahrein é uma celebração para nós e um grande orgulho. É uma vitrine para o mundo. Espero que a F1 e todos de maneira geral tenham entendido a nossa decisão, que foi tomada em um momento muito difícil", completou. Christian Horner, chefe de equipe da Red Bull, também lamentou a decisão, mas disse que o "país árabe tem problemas maiores que uma corrida de F1". "É uma pena. O Bahrein sempre foi um lugar agradável Continue lendo [...]
O assunto do dia não podia ser outro que não o cancelamento do GP do Bahrein, prova de abertura da temporada da Fórmula, dia 13 de março. Bernie Ecclestone ponderou sobre um possível cancelamento da prova por conta das manifestações populares contra o regime autoritário do rei Hamad bin Isa Al Khalifa, mas,  evasivo, demonstrou otimismo e acredita que pode manter a programação do calendário, com a corrida sendo realizada normalmente. No entanto, o britânico considerou a possibilidade de adiamento da prova caso não haja condições mínimas de segurança. Em entrevista concedida na manhã desta sexta-feira (18) à rádio BBC, Ecclestone minimizou o cancelamento da segunda etapa da GP2 Ásia, mas declarou que se a decisão fosse tomada hoje, o britânico, um dos sócios da categoria de base, optaria pela realização da prova neste fim de semana em Sakhir.  “Hoje, se nós tivéssemos de tomar alguma decisão com base nas Continue lendo [...]