Morreu na madrugada de segunda-feira (11) no Rio o ex-radialista Wilson Fittipaldi, 92 anos, conhecido como Barão. Ele é pai dos pilotos Emerson e Wilsinho Fittipaldi e avô de Christian Fittipaldi. O Barão Fittipaldi estava internado no centro de tratamento intensivo do hospital Copa D'Or, na zona sul do Rio, que não deu detalhes sobre a causa da morte. O "Barão " foi fundador da CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) e trabalhou na rádio Jovem Pan e foi comentarista do telejornal Record em Notícia (TV Record). Ele narrou inclusive o primeiro título de campeão mundial na categoria do filho Emerson Fittipaldi, em 1972. Foi ele, também, quem idealizou as Mil Milhas Brasileiras e narrou a primeira prova internacional de automobilismo em 1948, o GP de Bari (Itália),  vencido pelo brasileiro Chico Landi, pela Rádio então Panamericana (hoje Jovem Pan). A paixão do Barão pelo automobilismo vem de longe e é muito marcante. Wilson acompanhou de perto a construção Continue lendo [...]