Na competição global da manufatura automotiva o Brasil vem perdendo o seu potencial e diante deste cenário, a Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA) vê a necessidade de um alerta geral e estreia no seu calendário o Seminário de Manufatura Automotiva, agendado para o dia 18 de agosto, na Universidade Unip Paulista, em São Paulo/SP.   “Precisamos acordar o País trazendo esta discussão para voltarmos a ser competitivos, visando uma recuperação de mão de obra atrelada a tecnologia, novos empregos, ou seja, foco no avanço e na contribuição”, diz Carlos Sakuramoto, um estudioso em manufatura automotiva e diretor de Manufatura da AEA.   Na primeira edição do evento, um painel exclusivo sobre a competitividade das nações, do País e ainda das novas plantas instaladas a fim de exibir um padrão de comparação. “Na sequencia entraremos em pautas mais técnicas como a carroceria, que hoje representa 50% do investimento de um carro novo”, comenta o Continue lendo [...]