Divulgação

Seguindo a forte recuperação do segmento de cargas, a Rodobens Veículos Comerciais registrou alta de 32% nas vendas de caminhões entre janeiro e outubro deste ano. Nos primeiros dez meses de 2019, foram comercializados 3.863 caminhões contra 2.920 no mesmo período do ano passado. O número de emplacamentos de caminhões também cresceu 40% no período, índice superior aos 39% registrados pelo mercado nacional.

De acordo com a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), esta deve ser a primeira vez que o segmento deve superar o volume de 100 mil unidades por ano desde 2014 – na previsão inicial, as montadoras esperavam comercializar pouco mais de 88 mil caminhões em 2019. Segundo a Rodobens, a alta nas vendas tem relação com a retomada da renovação da frota das transportadoras.

“Estamos de olho nas oportunidades de crescimento do mercado automotivo voltado para veículos pesados. Investimos, por exemplo, R$ 16 milhões na inauguração de uma nova concessionária Mercedes-Benz no Mato Grosso, em julho deste ano, e esperamos aumentar em até 40% as vendas de caminhões na região durante os próximos anos. Ainda neste ano vamos inaugurar mais uma concessionária no Mato Grosso, também em parceria com a Mercedes-Benz”, explica Ademir Odoricio, diretor de Varejo Automotivo da Rodobens.

A Rodobens Veículos Comerciais é a maior rede de distribuição de veículos comerciais e peças genuínas Mercedes-Benz do Brasil, com 27 pontos de venda presentes em 13 estados. A Rodobens também é a maior distribuidora de pneus de carga da América Latina, representando no Brasil a marca de pneus Michelin, referência mundial em seu segmento.