Crédito: Latin NCAP

A sexta rodada de resultados de 2019 do Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe, Latin NCAP, foi apresentada hoje com a substituição do modelo mais vendido na América Latina; conseguindo cinco estrelas para ocupantes adultos e crianças e proteção para pedestres. Enquanto isso, um SUV popular compacto obteve um resultado inaceitável de zero estrela.

O Chevrolet New Onix Plus, fabricado no Brasil, ganhou cinco estrelas para proteção de ocupantes adultos e cinco estrelas para proteção de ocupantes infantis, além do Latin NCAP Advanced Award pela proteção de pedestres. O recém-lançado modelo Chevrolet New Onix Plus oferece Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC) e seis airbags como equipamento padrão: dois dianteiros, dois laterais de corpo e dois de cortinas.

O New Onix Plus mostrou bom desempenho nos testes de impacto frontal, lateral e lateral de poste para ocupantes adultos e crianças. A Chevrolet recomendou a instalação de ambos os dummies crianças voltados para trás, seguindo as mais recentes recomendações globais; isso foi confirmado por meio de uma pontuação alta no teste dinâmico para crianças.

O New Onix Plus oferece o Sistema de Lembrete do Uso do Cinto de Segurança (SBR), como equipamento padrão, nos bancos dianteiros e nas três posições no banco traseiro; este último equipamento é muito importante, porém não é muito comum na América Latina. Também, o New Onix Plus proporciona proteção padrão para pedestres, de acordo com o Regulamento das Nações Unidas, conseguindo por esse recurso o Latin NCAP Advanced Award. O New Chevrolet Onix Plus, que visa substituir o modelo mais vendido no Brasil e na região, é um marco na oferta de segurança veicular na América Latina, pois é um modelo popular que oferece um alto nível de segurança como equipamento básico.

O Latin NCAP recomenda aos consumidores da região apenas comprar veículos que ofereçam Controle Eletrônico de Estabilidade.

Crédito: Latin NCAP

O Chery Tiggo 3, fabricado na China, alcançou zero estrela para proteção de ocupantes adultos e uma estrela para proteção de ocupantes infantis. O SUV compacto oferece dois airbags frontais padrão, mas a alta compressão registrada no peito do motorista no impacto frontal atingiu valores além dos limites biomecânicos permitidos pelo Latin NCAP, indicando uma alta probabilidade de lesão de risco de vida durante a batida frontal.

A estrutura do Tiggo 3 foi avaliada como instável e não suportou maiores cargas. A proteção dos ocupantes crianças ganhou apenas uma estrela, devido à falta de recomendação do fabricante sobre os sistemas de retenção infantil (SRI) a serem utilizados no teste, à falta do interruptor de desativação do airbag do passageiro e à má sinalização das ancoragens ISOFIX e SRIs que falharam nos testes de instalação.

Alejandro Furas, Secretário Geral do Latin NCAP, disse: “Este é um notável desempenho de segurança para o Chevrolet New Onix Plus. É um marco para a América Latina e fornece evidências claras de como os testes do Latin NCAP estão criando um mercado de veículos mais seguros. O Onix foi e é o modelo mais popular da América Latina, e é muito bom comprovar que sua nova versão oferece um nível mais alto de segurança para adultos e crianças; ganhando, também, nosso Prêmio Advanced Award pela proteção dos pedestres. Com o Chevrolet New Onix Plus, a General Motors está estabelecendo uma nova referência no segmento de segurança e desafiando seus concorrentes diretos no segmento de mercado mais popular da região”.

Ao mesmo tempo, é uma grande preocupação para o Latin NCAP que ainda existam carros zero estrela, como o Tiggo 3, à venda na América Latina. O modelo não é capaz de oferecer uma proteção mínima em uma batida frontal, mesmo com airbags. O Latin NCAP está determinado a eliminar carros zero estrela do mercado latino-americano e exorta todos os governos e instituições regionais a apoiar programas de informação independentes para consumidores como o Latin NCAP”.

Ricardo Morales, Presidente da Comissão Diretiva do Latin NCAP, disse: “Este novo e bom resultado da Chevrolet confirma que, se proposto, os fabricantes podem oferecer veículos populares com uma classificação máxima de segurança. Parabenizamos a Chevrolet por sua reação em melhorar em dois anos o modelo mais popular da região de zero a cinco estrelas. Esperamos que essa mudança seja vista em toda a frota de modelos que a Chevrolet vende na região”.

“Porém, o resultado do Chery Tiggo 3 é decepcionante, marca presente em vários países da região obtendo apenas resultados de zero estrela no Programa Latin NCAP. Isso mostra como alguns fabricantes ou importadores da região ainda não consideram a segurança como algo importante. Os consumidores de nossa região merecem poder acessar veículos com os mesmos padrões de segurança de outras regiões sem ter que pagar mais por isso”, frisou Morales.

David Ward, Presidente do Global NCAP, disse: “No passado, criticamos a General Motors por vender veículos com classificação zero estrela na América Latina, mas devemos dar crédito a eles; pois com o Onix transformaram a segurança padrão do modelo mais vendido na região. A classificação dupla de cinco estrelas para adultos e crianças é excelente. Eles também ganharam o Prêmio Latin NCAP Advanced Award pela proteção de pedestres e incluíram o Controle Eletrônico de Estabilidade como equipamento padrão”, assinala.

“Este é um resultado muito bom para a General Motors, que estabelece uma referência em segurança veicular na América Latina. Vale mencionar também o trabalho realizado pelo Latin NCAP para salvar vidas e seu diálogo construtivo com os fabricantes de veículos. Esse excelente resultado do Onix contrasta com o resultado de zero estrela obtido pelo Chery Tiggo 3, que nos lembra de que ainda existem modelos no mercado com desempenho muito ruim e que os consumidores latino-americanos devem evitá-los de qualquer forma”, conclui Ward.

A Dra. Kelly Henning, da Bloomberg Philanthropies, disse: “Os usuários de estradas em todos os países merecem veículos que ofereçam, em sua versão básica, os requisitos de desempenho de segurança proporcionados nos mercados de economias desenvolvidas. Portanto, é muito positivo ver a GM priorizar a segurança dos veículos e melhorar seu modelo mais vendido na América Latina, o Chevrolet Onix, de zero a cinco estrelas. Esperamos que a GM continue melhorando sua frota na América Latina e que outros fabricantes sigam esse caminho, como a Toyota e a Volkswagen; especialmente aqueles que, como Chery, hoje receberam um resultado de zero estrela com o Tiggo 3”.