Hamilton cravou a pole com categoria, equilibrio e sorte - Sutton Images

Hamilton cravou a pole com categoria, equilíbrio e sorte – Sutton Images

Lewis Hamilton, atual campeão mundial e líder do campeonato de 2015, largará da pole-position no Grande Prêmio de Mônaco, que será disputado neste domingo (24) a partir das 9 horas (horário de Brasília). Embora já tenha vencido em 2008, esta foi a primeira pole do inglês no principado. Com sorte e um deslize emocional de seu companheiro de Mercedes, o finlandês Nico Rosberg, com quem o britânico dividirá a primeira fila. Rosberg até poderia ter lutado de igual para igual com Hamilton, mas um erro de frenagem tirou o que é mais importante quando se corre em um circuito de rua, a confiança, e com isso jogou a toalha e deu ao seu principal rival na luta pelo título mais uma posição de honra. A disputa de poles entre ambos, por enquanto, mostra um placar de 5 x 1 a favor de Hamilton, o que só aperta o nó na cabeça de Rosberg.

 

A segunda fila será formada por Sebastian Vettel, da Ferrari, e o australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull. O top-10 foi completado por Daniil Kvyat (RBR), Kimi Räikkönen (Ferrari), Sergio Pérez (Force India), Carlos Sainz (Toro Rosso), Pastor Maldonado (Lotus) e Max Verstappen (Toro Rosso). Entretanto, a formação do grid de largada é um aperitivo do que pode acontecer na prova já que ultrapassar em circuito de rua, quase uma pista de kart indoor – ou como bem disse os tricampeões mundiais de F1 Nelson Piquet e Ayrton Senna, correr em Mônaco é com andar rápido em um tubo –, concentração sem perda de ousadia para lamber os muros é fundamental. Vendo por esse ângulo, Hamilton leva vantagem sobre Rosberg.

 

Massa é o reflexo distorcido de uma Williams sem desenvolvimento - Sutton Images

Massa é o reflexo de uma Williams sem desenvolvimento – Sutton Images

 

Atípico, o GP de Mônaco, considerado de média-baixa velocidade. Uma mistura de poucas e rápidas retas com desacelerações bruscas. Aí entra o componente equilíbrio. Quem conseguir conservar os freios e conseguir encontrar o ponto certo de ultrapassagem de retardatários está com a mão no troféu. Nesse quesito, impossível não relembrar Senna, que subiu ao ponto mais alto do pódio de Mônaco nada menos que seis vezes e perdeu de vencer a sétima ao se desconcentrar e cravar sua McLaren na entrada do túnel.

  

 

Nasr  terá dias difíceis na Sauber, que parou no tempo   Sutton Images

Nasr terá dias difíceis na Sauber, que parou no tempo Sutton Images

Sensação do começo da temporada, Felipe Nasr (Sauber), desta vez, amargou pela falta de desenvolvimento de seu carro e largará da 15ª posição, bem como Felipe Massa (Williams), que foi privilegiado pela perda de cinco posições de Romain Grosjean (Lotus) por troca da caixa de câmbio, sairá da 13ª posição. Ambos estão pagando caro na pista pelos orçamentos restritos das equipes as quais defendem. Ou seja, enquanto a concorrência aprimorou seus pacotes para a fase europeia seus times pararam no tempo e eles correrão com as mesmas especificações técnicas com as quais começaram a temporada.

 

Demonstração mais evidente da falta de investimento fica comprovada pelas atuações de seus companheiros de equipe. Valtteri Bottas, da Williams, não conseguiu encontrar o acerto ideal só conseguiu cravar a 17ª posição na composição do grid de largada, enquanto Marcus Ericsson, da Sauber, a nada entusiasmante 18ª posição à frente das simplórias Manor Marussia de Will Stevens e Roberto Merhi, respectivamente 19º e 20º colocados. 

 

Rosberg E escorregou na baba e deu de lambuja pole inédita em Mônaco para Hamilton Vettel sai em terceiro - Sutton Images

Rosberg (e) escorregou na baba e deu de lambuja pole em Mônaco para Hamilton Vettel sai em terceiro – Sutton Images

 

  Confira abaixo o grid de largada para o GP de Mônaco:

 

POS.

NO.

DRIVER

TEAM

Q1

Q2

Q3

LAPS

1

44

LEWIS HAMILTON

MERCEDES

1:16.588

1:15.864

1:15.098

28

2

6

NICO ROSBERG

MERCEDES

1:16.528

1:15.471

1:15.440

25

3

5

SEBASTIAN VETTEL

FERRARI

1:17.502

1:16.181

1:15.849

24

4

3

DANIEL RICCIARDO

RED BULL

1:17.254

1:16.706

1:16.041

28

5

26

DANIIL KVYAT

RED BULL

1:16.845

1:16.453

1:16.182

26

6

7

KIMI RÄIKKÖNEN

FERRARI

1:17.660

1:16.440

1:16.427

23

7

11

SERGIO PEREZ

FORCE INDIA

1:17.376

1:16.999

1:16.808

22

8

55

CARLOS SAINZ

TORO ROSSO

1:17.246

1:16.762

1:16.931

29

9

13

PASTOR MALDONADO

LOTUS

1:17.630

1:16.775

1:16.946

30

10

33

MAX VERSTAPPEN

TORO ROSSO

1:16.750

1:16.546

1:16.957

29

11

8

ROMAIN GROSJEAN

LOTUS

1:17.767

1:17.007

 

22

12

22

JENSON BUTTON

MCLAREN

1:17.492

1:17.093

 

20

13

27

NICO HULKENBERG

FORCE INDIA

1:17.552

1:17.193

 

16

14

19

FELIPE MASSA

WILLIAMS

1:17.679

1:17.278

 

22

15

14

FERNANDO ALONSO

MCLAREN

1:17.778

1:26.632

 

11

16

12

FELIPE NASR

SAUBER

1:18.101

   

11

17

77

VALTTERI BOTTAS

WILLIAMS

1:18.434

   

10

18

9

MARCUS ERICSSON

SAUBER

1:18.513

   

11

19

28

WILL STEVENS

MARUSSIA

1:20.655

   

9

20

98

ROBERTO MERHI

MARUSSIA

1:20.

     

Crédito: formula1.com