Divulgação

O Monster Jogando Junto é um campeonato de Free Fire desenvolvido para arrecadar doações e frear as consequências econômicas e sociais causadas pela pandemia do novo coronavírus.

Quem protagoniza o campeonato são os atletas da Monster Energy: Rayssa Leal, Gabriel Fortunato, Átila Abreu e Fred Kyrillos formam o primeiro grupo, que será treinado pelos coachs de Free Fire da INTZ, depois vem Leandro Overall, Kelvin Hoefler, Fernando Badauí e João Barion, supervisionados pelo clã da Team Liquid.

O campeonato terá streaming da final na quinta-feira, 28 de maio, às 19h, nas plataformas Twitch e Youtube dos canais oficiais das equipes. Os espectadores do desafio terão a chance de colaborar com a iniciativa, que dará R$ 15 mil ao Instituto Anjinho Feliz em nome dos vencedores.

A modalidade disputada é a Clash Squad, na qual duas equipes de quatro jogadores se enfrentam. Os coachs de Free Fire da INTZ e Team Liquid estão treinando os atletas Monster desde o último dia 4 para darem o melhor de si na final. Ação integrada com atletas da Monster Energy terá transmissão ao vivo da final no dia 28 de maio.

Juntos para o bem – O #MonsterJogandoJunto, que propõe entretenimento por uma boa causa, também garante R$ 15.000,00 para os vencedores. O valor será direcionado, em nome dos ganhadores, ao Instituto Anjinho Feliz, instituição que acolhe e orienta crianças e familiares em situação de vulnerabilidade e, atualmente, está reforçando seus pedidos para atender a alta demanda por conta da grande quantidade de famílias que perderam suas rendas. Acesso o site para saber mais: http://www.anjinhofeliz.org.br/index.htm.