Loeb fez uma ultrapassagem espetacular - Foto: Divulgação

Loeb fez uma ultrapassagem espetacular – Foto: Divulgação

A dupla Sébastian Loeb/Alvaro Parente, a bordo de um McLaren MP412C, faturou de forma não só extraordinária quanto surpreendente a vitória na corrida de classificação da primeira etapa do FIA GT Series, disputada domingo (31) no circuito de Nogaro, França. Surpreendente, porque Loeb, um mito do automobilismo mundial, nove vezes campeão do WRC (World Rally Championship ou Campeonato Mundial de Rali em português) decidiu que era hora de migrar da terra para o asfalto e o fez sem perder a majestade. Detonou! Fez uma ultrapassagem, que pode até, porquê não, ser chamada de X antecipado ao deixar atordoado Nikolaus Mayr-Melnhof, de Audi R8 LMS Ultra, que, visivelmente ficou procurando o francês no retrovisor. Foi uma ultrapassagem sensacional (veja no vídeo no final do artigo).

 

Louros para a Sebastien Loeb Racing, que conta com dois McLaren MP4-12C. A dupla Cacá/Khodair ficou em sétimo no geral, quinto na categoria Pro. Zonta/Jimenez terminou em oitavo, sexto entre os Pros. Os brasileiros da equipe BMW Brasil foram bem da nova categoria, considerando que Nogaro era um ilustre desconhecido e que os pilotos tiveram pouco contato com o carro. Para piorar, choveu nos dois primeiros dias de atividades. Os outros brasileiros, Stumpf/Ricci, da ProAm, ficaram em nono no geral e terceiro na categoria. E Mascarello/Tozzo, do Gentlemen Trophy, foram 17º no geral e segundo na categoria. O vencedor foi Fabien Barthez.

 

 

Cacá Bueno recebeu o carro de Allan Khodair com problema na bomba de gasolina - Foto: Divulgação

Cacá Bueno recebeu o carro de Allan Khodair com problema na bomba de gasolina – Foto: Divulgação

A dupla Cacá Bueno e Allam Khodair largou na quinta posição do grid com Khodair na condução do BMW Z4 GT3 do BMW Team Brasil. Khodair entregou o carro para Cacá Bueno, que, de cara, apresentou problemas na bomba do combustível, obrigando o piloto a zerar o sistema eletrônico, perder posições. Cacá, pentacampeão da Stock Car, despencou para 12º, mas conseguiu se recuperar e cruzar a linha de chegada em sétimo na classificação geral, quinto na classe Pro Cup.

 

A dupla somou seus primeiros dois pontos na temporada, já que a corrida de classificação premia os seis primeiros colocados de cada uma das três classes que fazem parte do GT Series. Cacá Bueno ficou na bronca com o resultado final, mas diante dos percalços disse que o sétimo lugar geral “não foi tão ruim”. Já Khodair foi mais otimista e acredita que é possível subir ao pódio da prova principal, que acontece na segunda, 1º de abril, feriado na Europa.

 

A corrida principal será disputada às 9h15 (hora de Brasília) desta segunda-feira (1º) e terá transmissão ao vivo pelo canal por assinatura SporTV 2.

 

Confira abaixo a atuação de Loeb:

http://www.youtube.com/watch?v=0VJOIwOSTxo

Crédito: Klemen Novak