Ducati lança novas integrantes da família Scrambler no Salão Duas Rodas - Divulgação

Ducati lança novas integrantes da família Scrambler no Salão Duas Rodas – Divulgação

Durante o Salão Duas Rodas, que acontece de 7 a 12 de outubro no Pavilhão de Exposições do Anhembi (São Paulo), a marca italiana de motocicletas premium apresenta seus últimos lançamentos em motocicletas para diversos perfis de clientes. Um dos destaques é a família completa da recém-lançada Scrambler – ICON, Classic, Urban Enduro e Full Throttle -, motocicleta considerada a união perfeita entre o tradicional e o moderno, oferecendo uma experiência única para quem quer uma moto jovem, divertida e com identidade própria. A Icon será vendida no Brasil ainda esse ano ao preço de R$ 36.900,00 e as demais versões chegarão às concessionárias em 2016.

 

Com isso, o portfólio de motocicletas Scrambler, considerada a união perfeita entre o tradicional e o moderno, fica completo, oferecendo ainda mais opções de customização para quem busca uma moto jovem, divertida e que tem identidade própria. O moderno conceito da aguardada Scrambler Ducati, em todos os modelos, é o de preservar a aparência contemporânea da icônica motocicleta fabricada pela Ducati nos anos 70, sem ser retrô. Foi projetada para ser exatamente a evolução do modelo fabricado no passado, como se a Ducati nunca tivesse parado de produzi-la.

 

Todas elas são equipadas com o icônico motor Desmodrômico (sistema de abertura e fechamento da válvula do cabeçote do motor que fez com que a Ducati ficasse famosa por todo o mundo). Potente, o motor possui dois cilindros em L-twin de duas válvulas com 803 cc (derivado do motor da Monster 796), com 88 mm de diâmetro, 66 mm de curso, reprojetado para garantir uma aceleração suave durante toda a pilotagem com seus 75 hp. O motor também possui tampas de alumínio usinadas, incluindo as da embreagem e alternador. Os dois protetores de correia são feitos de alumínio e foram, de maneira semelhante, usinados para aperfeiçoar a estética.

 

Os pistões e virabrequim são os mesmos utilizados nos motores já reconhecidos da Monster e Hypermotard 796, enquanto os eixos do comando de válvulas foram projetados para garantir um fornecimento de potência linear graças à adoção de um ângulo de sobreposição da válvula de 11º. Com tudo isso, oferece uma pilotagem divertida, com resposta linear durante a aceleração, estabelecendo um torque de 75 hp @ 8,250 rpm e 68 Nm @ 5,750 rpm.

 

Além disso, as motocicletas da família Scrambler oferecem um toque de modernidade por conta do painel de instrumentos digital em LCD, farol e lanterna de led, que em cada um dos modelos se combinam com materiais cuidadosamente escolhidos e testados, tais como o braço oscilante traseiro em alumínio, as tampas do motor de alumínio, entrada USB sob o banco, tanque em formato de gota e chassi de treliça em aço.

 

A partir daí, cada um dos modelos ganha vida própria. São eles:

 

Scrambler ICON tem aparência contemporânea da icônica motocicleta fabricada pela Ducati nos anos 70 - Divulgação

Scrambler ICON tem aparência contemporânea da icônica motocicleta fabricada pela Ducati nos anos 70 – Divulgação

 

ICON – com design pós-vintage na cor amarelo, se caracteriza por sua confortável posição de pilotagem e pelo tanque em aço no formato de gota com painéis laterais de alumínio intercambiáveis. A altura de 790 mm do banco garante conforto para o piloto e passageiro. Outras características de destaque incluem guidão amplo, farol com lente de vidro, lanterna de LED e as rodas Dual Sport. O acabamento de alumínio para as capas das correias do motor, o protetor de escapamento e a moldura intercambiável do painel de instrumentos de LCD dão ainda mais estilo à moto.

 

Scrambler Urban Enduro - Divulgação

Scrambler Urban Enduro – Divulgação

 

Urban Enduro – disponível na cor verde wild, é ideal não só para superar obstáculos urbanos com agilidade, mas também explorar diferentes tipos de estradas. O banco marrom com costuras transversais oferece conforto de primeira classe.

 

Os protetores da suspensão dianteira – do cárter do motor até a grade do farol – protegem as partes essenciais da motocicleta em passeios off-road. Enquanto o crossbar reforça o amplo guidão. Paralamas altos e rodas raiadas também são marca registrada do modelo.

 

Scrambler Full Trottle - Divulgação

Scrambler Full Trottle – Divulgação

 

Full Throttle – na cor preto fosco, esta versão é inspirada no mundo das corridas de flat track (clara referência às motocicletas de pistas ovais de terra). Vem equipada com escapamento esportivo Termignoni homologado para uso em rua e banco projetado para pilotagem esportiva.

 

Os painéis laterais são na cor preta com um grafismo exclusivo. O guidão é baixo e estreito e o paralamas dianteiro curto, o que realça ainda mais as características do modelo, perfeito para quem quer uma moto para uso diário com estilo de corrida.

 

Scrambler Classic - Divulgação

Scrambler Classic – Divulgação

Classic – disponível na cor laranja Sunshine, é a versão perfeita para quem valoriza a atenção aos detalhes e ao estilo da década de 70, sem abrir mão do prazer de uma motocicleta funcional e moderna.

 

Oferece detalhes exclusivos e refinados, tais como paralamas dianteiro e traseiro de alumínio, rodas raiadas e banco marrom com costuras em formato de diamante.

 

Customização – Mais do que os quatro modelos, o grande diferencial da família Scrambler é a liberdade de customização. Baseado na palavra inglesa embaralhar (Scrambler), a motocicleta permite múltiplas possibilidades, se adequando ao gosto do proprietário: por exemplo, cromo, preto fosco, ou até mesmo painéis laterais do tanque em fibra de carbono estão disponíveis. Há ainda uma ampla variedade de opções para o para-lamas dianteiro, elevação da placa, mala para tanque, ponteira Termignoni, aro e grade para o farol, aro no painel de instrumentos, manoplas vintage, espelhos retrovisores e rodas raiadas, quatro versões diferentes do assento e guidão baixo cônico.

 

Todos os modelos serão montados no Brasil. As vendas serão iniciadas com a versão Icon, a partir de outubro, nas concessionárias Ducati de todo país, ao preço de R$ 36.900,00.  As demais versões serão comercializadas no primeiro trimestre de 2016.

 

O motor da 1299 Panigale é o mais avançado e potente motor de dois cilindros produzido no planeta - Divulgação

O motor da 1299 Panigale é o mais avançado e potente motor de dois cilindros produzido no planeta – Divulgação

 

Panigale – Outra grande revelação é a nova 1299 Panigale. Evolução da premiada 1199, a última geração das motocicletas Ducati se baseia em soluções de engenharia e design, tornando o conceito de Superbike para as estradas e pistas ainda melhor, oferecendo uma experiência de pilotagem ainda mais emocionante e segura. A nova motocicleta também chegará ao Brasil em 2016.

 

A família da Ducati Superbike apresenta uma grande novidade na categoria durante o Salão Duas Rodas 2015: a 1299 Panigale. Evolução da premiada 1199, a última geração das motocicletas Ducati se baseia em soluções de engenharia e design, tornando o conceito de Superbike para as estradas e pistas ainda melhor.

 

Com mais torque e mais potência, a 1299 Panigale é mais fácil e segura de pilotar, graças ao uso de soluções inovadoras concebidas pela Ducati Corse, permitindo que pilotos do dia a dia experimentem a tecnologia dos campeões mundiais fora das pistas de competição.

 

A 1299 Panigale dispõe do motor Superquadro de 1.285 cm³, com um virabrequim com o curso curto e pistões de 116 mm combinado com o comando desmodrômico, sendo o mais avançado e potente motor de dois cilindros produzido no planeta.

 

O modelo também evoluiu em termos de configuração do chassi: o inovador monocoque em alumínio dispõe agora de um ângulo de coluna de direção de 24° que garante maior agilidade nas curvas, enquanto que o eixo do garfo é 4 mm mais baixo permitindo maior tração traseira nas mais variadas situações.

 

O novo kit eletrônico, projetado especificamente para a 1299 Panigale e integrado nos três diferentes Riding Modes, elevam ainda mais o seu desempenho. Graças à presença da Unidade de Medição Inercial (IMU), o Cornering ABS se torna disponível, junto com o Ducati Wheelie Control (DWC) e, na versão S, o Öhlins Smart EC, um sistema de controle baseado em situações de uso da suspensão. Além disso, o Ducati Quick Shift (DQS) agora funciona durante a redução de marchas, melhorando o desempenho nas pistas e facilitando o seu uso diário.

 

Na 1299 Panigale, as funções Ducati Traction Control (DTC), Ducati Wheelie Control (DWC) e Engine Brake Control (EBC) foram otimizadas através de um sistema de calibragem automático, que facilita na troca de tamanhos de pneu e na troca da relação de transmissão final.

 

Cada pequeno detalhe da 1299 Panigale é uma homenagem à lendária tradição competitiva da Ducati, que destaca o seu design prático e incrivelmente atual que também segue os passos da 1199 Panigale premiada com Compasso d’Oro.

 

Além de melhorar a aerodinâmica, a larga carenagem do bico e a bolha mais resistente tornam a nova 1299 Panigale ainda mais arrojada, devido às amplas admissões de ar frontais.

 

A nova carenagem traseira, dividida em duas seções, completa a forma da 1299 Panigale, que também possui novos espelhos e dutos laterais. Além disso, a 1299 Panigale vem com um banco novo e mais confortável e com apoio para os pés de alumínio usinado, proporcionando uma maior aderência.

 

 

Novidade, a 1299 Panigale é mais fácil e segura de pilotar, graças ao uso de soluções inovadoras concebidas pela Ducati Corse - Divulgação

Novidade, a 1299 Panigale é mais fácil e segura de pilotar com  ouso de soluções inovadoras concebidas pela Ducati Corse – Divulgação

 

1199 Panigale R – A Ducati também apresenta a Panigale R, que nada mais é do que a base homologada das suas motocicletas para o World Superbike. Trata-se essencialmente de uma moto de corrida.

 

Equipada com o motor Superquadro de 1.198 cm³, se mantém dentro dos limites de cilindrada do Superbike. Ostenta válvulas e hastes de admissão e de escape de titânio, pistões de dois anéis e um virabrequim extremamente leve que é balanceado com aplicação de tungstênio. Tudo isso garante uma potência máxima de 205 hp a 11.500 rpm  e um torque de 136,2 Nm a 10.250 rpm.

 

A Panigale R vem com uma suspensão mecânica Öhlins, um monobraço ajustável e a mesma tecnologia eletrônica empregada na 1299 Panigale, assim como uma bateria de íon de lítio, o que significa uma redução de peso de mais de 2 kg, resultando em um total de 6 kg a menos do que a 1199 Panigale R fazendo-a ter somente 162kg de peso seco.

 

Toda linha 1299 Panigale /1199 Panigale R vem com pneus Pirelli Diablo Supercorsa SP. Essas são as versões de estrada dos pneus utilizados no campeonato Superstock 1000 FIM: 120/70 ZR17 na parte dianteira e 200/55 x ZR17 na parte traseira.

 

A 1299 Panigale/ 1199 Panigale R serão montadas no Brasil e vendidas a partir de Março de 2016 nas concessionárias Ducati.

Ficha técnica

 

 

No pós-venda, marca acaba de lançar um serviço Ducati Assistance 24hs em parceria com a Europ Assitance - Divulgação

No pós-venda, marca acaba de lançar um serviço Ducati Assistance 24hs em parceria com a Europ Assitance – Divulgação

 

Multistrada – Para fechar a gama de novidades da Ducati para 2016, a marca italiana apresenta a nova linha Multistrada 1200, que é a evolução do modelo anterior que revolucionou o mundo das motocicletas oferecendo, pela primeira vez, uma experiência de pilotagem quatro em um, graças ao sistema de Riding Modes (Modos de Pilotagem). Completamente nova, a Multistrada 1200 agora já vem equipada com o exclusivo motor Ducati Testastretta DVT (Desmodromic Variable Timing) com comando de válvulas variável e um pacote tecnológico de última geração que estabelece um novo padrão nesse segmento.

 

Quando foi lançada, a Multistrada 1200 revolucionou o mundo das motocicletas oferecendo, pela primeira vez, uma experiência de pilotagem quatro em um, graças ao sistema de Riding Modes (Modos de Pilotagem).

 

Agora, a Ducati apresenta a nova geração da Multistrada 1200, já equipada com o exclusivo motor Ducati Testastretta DVT (Desmodromic Variable Timing) e um pacote tecnológico de última geração que estabelece um novo padrão nesse segmento. A motocicleta é uma das atrações da Ducati no Salão Duas Rodas 2015, que acontece de 7 a 12 de outubro, no Anhembi (São Paulo).

 

O motor Testastretta DVT da Ducati dispõe de um sistema variável de sincronização de válvula com controle independente da entrada de admissão e do eixo de comando, que otimiza o desempenho do motor e ao mesmo tempo garante uma máxima potência em altas rotações. Com diâmetro de 106 mm e curso de 67,9 mm (resultando em um deslocamento total de 1198 cm³), o propulsor alcança 160 hp a 9500 rpm e 136 Nm de torque a 7500 rpm.

 

A nova motocicleta traz ainda um destaque em relação aos equipamentos eletrônicos, apresentando a Unidade de Medição Inercial (IMU). A tecnologia inovadora e exclusiva da Ducati foi desenvolvida em conjunto com os técnicos da Bosch para medir os ângulos de inclinação, guinada e de distância entre o eixo e a marcha da motocicleta, assim como o índice de suas mudanças, aumentando o desempenho e segurança.

 

O mecanismo é totalmente integrado com os quatro Riding Modes existentes: Sport, Touring, Urban e Enduro. Cada modo proporciona uma experiência única e personalizada com apenas um toque de botão, criando o conceito de “quatro motos em uma”.

 

Essa integração do IMU com Riding Modes provoca o ajuste instantâneo da entrega de potência e torque, além do ajuste eletrônico dos modos de suspensão, controle de tração e ABS, transformando instantaneamente a Multistrada 1200 para se adaptar ao piloto e ao ambiente com ainda mais precisão.

 

Os Riding Modes se tornam ainda mais eficazes na versão Multistrada 1200 S, uma vez que contam com o suporte da Ducati Skyhook Suspension (DSS) Evolution, queconfigura a suspensão de maneira dinâmica em resposta a diferentes condições de pista e pilotagem, mantendo o controle, o desempenho e o conforto em todos os momentos.

 

Com um estilo inovador e tecnologia avançada, a nova Multistrada 1200 possui um design ergonômico produzido especialmente para proporcionar ainda mais conforto ao piloto. A motocicleta pode acomodar facilmente duas pessoas, além do baú e dos acessórios. Possui assento de altura ajustável e uma bolha alta e larga, desenhada para proporcionar maior proteção em viagens de longa distância.

 

A Multistrada conta com os novos Scorpion Trail II, item de série (190/55 R17 traseiro e 120/70 R17 dianteiro), com desenho de visual arrojado da banda de rodagem, típico em um pneu para pistas off-road, que proporciona um alto desempenho combinando as características de ambos os pneus enduro e sport touring.

 

Com isso, garante perfeitamente o desempenho em estradas e em pistas off-road, satisfazendo até mesmo os motociclistas mais exigentes: os seus pontos altos incluem excelente quilometragem, performance consistente ao longo da sua vida útil e funcionamento excepcional em pistas molhadas.

 

A nova Multistrada 1200 será montada no Brasil e vendida nas concessionárias Ducati a parti de março de 2016.

 

Ficha técnica Multistrada

 

Mais novidades – Além das tão esperadas motocicletas, a Ducati também traz algumas novidades em serviços e acessórios. No que diz respeito ao pós-vendas, marca acaba de lançar um serviço Ducati Assistance 24hs em parceria com a Europ Assitance.

 

A partir de agora, os clientes que comprarem uma motocicleta Ducati terão serviço gratuito 24hs de reboque em caso de pane em todo o território brasileiro.

 

Para marcar a parceria entre Pirelli e Ducati no lançamento dos novos pneus Scropion Trail II e MT 60 RS, a Pirelli fará tatuagens de henna nos convidados dentro do espaço Scrambler, no estande da Ducati.

 

“O objetivo, com tudo isso, é oferecer um portfólio cada vez mais completo de produtos e serviços garantindo uma experiência premium e personalizada aos nossos clientes no Brasil”, completa o executivo.

 

Além disso, quem visitar o estande da Ducati no Salão Duas rodas tem uma série de atrações. No espaço Scrambler, por exemplo, o público poderá dar uma modernizada no visual na Barbearia Cavalera. 

 

Há também o Ducati Experience. A ação, feita em parceria com a Bosch, colocará o visitante motociclista para testar e comparar as diferenças entre um sistema de freio comum e um equipado com ABS. O espaço, aberto diariamente das 14h às 22h, fica no estacionamento do Anhembi. Para participar é obrigatório apresentar carteira de habilitação de motocicleta.

 

Serviço:

 Evento: Salão Duas Rodas

Data: de 7 a 12 de outubro de 2015

Local: Anhembi (São Paulo)

Horário: das 14h às 22h

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...