Novos produtos Dekra contêm código QR – Divulgação

A Dekra anuncia o reposicionamento dos produtos de vistoria, que também mudaram de nome, com o objetivo de serem melhor entendidos pelo consumidor e agora são: Dekra Cautelar; Dekra Cautelar com Teste de Pintura e Dekra Garantido. “Com layout, cores e nomenclaturas novas, eles agora contêm um QR Code, que traz ainda mais segurança nas informações do laudo”, explica Leandro Pimentel de Araújo, gerente de Varejo e Checkauto.

O Dekra Cautelar é um produto de mercado que inspeciona 170 itens, fazendo uma análise completa da originalidade e estrutura do veículo. No módulo de Identificação, são examinados os seguintes componentes: CRLV – Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo, placa, motor, chassi, quilometragem, vidros e cintos, certificando-se de falsificações ou modificações na identificação do veículo.

Também são verificados outros artefatos da Estrutura (partes dianteira e traseira; lados esquerdo e direito; teto e assoalho, para saber se o veículo é seguro para rodar. No levantamento do Histórico Veicular, são observados os seguintes itens: restrições, oferta de leilão, recall, roubo e furtos, IPVA/multas, entre outros por meio de uma consulta Checkauto, que busca registros da trajetória do carro em bases da própria empresa e de órgãos públicos e privados para saber, por exemplo, se passou por leilões, se tem déficits (multas, IPVA, entre outros).

É verificada se a quilometragem não sofreu alterações, entre outras informações que oferecem segurança na hora de comprar o veículo. Semelhante a este, é o produto Dekra Cautelar Com Teste de Pintura, tendo como diferenciação uma verificação da originalidade da pintura, assim realizando testes nas partes internas e externas.

Já o laudo de vistoria Dekra Garantido, é único no mercado e o mais completo da companhia, verificando 250 itens e apresentando a situação geral do veículo. Ele é semelhante aos outros dois produtos quanto a Identificação, Estrutura, Pintura e Histórico Veicular, tendo como grande diferencial a verificação dos itens do Estado de Conservação das partes dianteira e traseira; laterais; equipamentos; bancos e revestimentos; itens de segurança; acionamento do motor; pneus e pintura de componentes externos.

“A vistoria dá ao consumidor a certeza de que não está levando um veículo fraudado, com avarias e, principalmente, que não ofereça risco à sua própria vida. Um carro não é condenado apenas por ter sofrido uma colisão e ser reparado, mas por não oferecer segurança estrutural, como ter um trincado numa coluna ou torre de amortecedor, entre outros”, explica Araújo.

“A Dekra não faz um laudo de precificação, mas uma análise detalhada das condições do veículo, o que automaticamente permite ao comprador uma melhor negociação. Nestas vistorias, a nossa companhia preza por ser justa, trabalhando com transparência para todos os lados: segurador, financeiras, comprador ou vendedor”, comenta Araújo.

O Dekra Garantido é muito procurado também por quem compra veículos pela internet, pois não dá para conhecer qual é a real condição do carro apenas pelas fotos postadas, que normalmente são bem produzidas. “O consumidor fica mais desconfiado quando a compra é on-line, mesmo assim é uma modalidade de compra que vem crescendo, principalmente quando o negócio é fechado após uma vistoria especializada como a nossa”, alerta.

“Mais procurada por seguradoras e lojistas, a Dekra quer que cada vez mais consumidores usufruam destes produtos de vistorias especializadas em suas compras, para que sejam mais assertivos nas aquisições e, ao mesmo tempo, usufruam de mais segurança. Infelizmente, há uma evolução nas fraudes e clonagens de automóveis, e é fundamental ficar mais atento” afirma Araújo.

“Mas ainda bem que também há um grande avanço nas tecnologias, que tornam as vistorias cada vez mais eficientes. A nossa empresa possui expertise internacional no assunto — além dos 90 anos de mercado — e ainda investe constantemente em atualizações para que seja cada vez mais eficiente e ofereça aos clientes laudos apropriados”, finaliza o gerente.