Prova teve muita poeira em meio à cana de açucar - Cadu Rolim

Prova teve muita poeira em meio à cana de açucar – Cadu Rolim

A etapa de Jaguariúna (SP) da Mitsubishi Cup empolgou as duplas com duas provas de 51 quilômetros em meio à cana de açúcar com piso de terra batida e cascalhos com muitas curvas. Caracterizada pelas altas temperaturas, a prova começou com o frio típico do inverno. Mas o sol brilhou durante todo o dia e o clima seco deixou a prova ainda mais emocionante. A perfeita integração entre pilotos e navegadores fez a diferença.

 

“O percurso estava com a cana alta e exigiu muito do piloto e navegador. A sintonia teve de ser perfeita, um acreditando no outro para acelerar ainda mais”, comentou Luis Felipe Eckel, campeão no ASXR R ao lado do piloto Marcelo Tomasoni. “Com esse formato de duas provas mais longas, temos que ir com mais cuidado e, ao mesmo tempo, vir forte, pois aqui não dá pra vacilar”. A dupla sai líder na classificação geral. “Fizemos um ótimo trabalho”, destaca Tomasoni.

 

“Foi um trabalho de equipe”, comenta o piloto Rodrigo Meinberg, campeão na Pajero TR4 ER Master. Seu navegador, João Luís Stal, ressalta que “a dupla tinha que estar muito entrosada.”

 

Competindo na Mitsubishi Cup desde 2007, o cearense Paulo Aragão não falta em nenhuma etapa da prova. “Coloco como meta estar presente em todas”, festeja o piloto da TR4 ER. É um hobby que gosto muito, desliga um pouco do dia a dia”, completa.

 

Prova dura – Na L200 Triton RS, Fernando Ewerton e Beco Andreotti venceram em Jaguariúna e assumem a primeira colocação do campeonato. “Foi ótimo. Essa é uma pista que não costumo me dar muito bem por causa da cana alta, mas o Beco tem muita experiência e ele me transmite essa segurança. A dupla é nova, mas está dando certo”, destaca Fernando.

 

Porém, uma discussão da dupla durante a prova, que poderia ter colocado tudo a perder, acabou sendo benéfica. “Acabei sendo ríspido dentro do carro, mas depois disso baixamos o tempo. Cada prova é um campeonato e a pilotagem tem evoluído bastante”, disse o navegador.

 

Na L200 Triton ER, que este ano passou a ser com pilotos proprietários, Albano dos Santos Parente Jr. e João Gilberto Ferreira comemoraram muito a primeira colocação. “Essa vitória consolida cada vez mais nossa trajetória. É nosso primeiro ano e estamos nos adaptando, evoluindo e o resultado está vindo. Queremos manter esse ritmo para não sermos incomodados até o final”, disse João.

 

Na categoria Pajero TR4 ER, Vitor Jose Muench e Jorge Adriano Peters levaram dois troféus. Além de terem sido os melhores da categoria, ganharam também como melhor dupla estreante. “Fui navegador durante nove anos. Agora estou do outro lado, pilotando, mas esse tempo foi ótimo pelo aprendizado. Hoje tive que confiar muito no meu parceiro”, destaca Vitor.

 

Entrosamento entre pilotos e navegadores foi essencial - Tom Papp

Entrosamento entre pilotos e navegadores foi essencial – Tom Papp

 

Categoria ASX R estreou neste ano – Tom Papp

Categoria ASX R estreou neste ano – Tom Papp

Na categoria Roockie do ASX R, troféu para Cristian Domecg e Flavio Bisi. “Estamos evoluindo e vamos brigar por pontos mais pra frente”, comenta o piloto.

 

 

As duplas da Mitsubishi Cup voltam a se encontrar no dia 29 de agosto, em Indaiatuba, no interior de São Paulo.

 

Resultados – Mitsubishi Cup 3ª etapa – Jaguariúna

 

L200 Triton RS

1) Fernando Ewerton / Beco Andreotti – 81 Pontos

2) Marcos Baumgart Stroczynski / Kleber Cincea – 81 Pontos

3) Marcelo Emerick Mendes / Breno De Almeida Rezende – 78 Pontos

4) Ricardo Feltre / Andre Lucas Munhoz – 72 Pontos

5) Fabio Prada Ferreira / Edgar Fabre – 63 Pontos

 

L200 Triton ER

1) Albano Dos Santos Parente Jr / João Gilberto Ferreira – 87 Pontos

2) Thiago Wilson Rizzo Da Silva / Daniel Cury Spolidorio – 84 Pontos

3) Marco Tulio Lana / Leonardo Magalhães – 75 Pontos

4) Ivan Machado Terni / Eduardo Pereira E Costa – 75 Pontos

5) Pietro Branchina / Henry Ritter Kirst – 69 Pontos

 

ASX R

1) Marcelo Tomasoni / Luis Felipe Eckel – 84 Pontos

2) Hugo Rodrigues / Deco Muniz – 81 Pontos

3) Fabricio Bianchini / Caio Santos – 81 Pontos

4) Wagner Felippe Roncon / Joselito Vieira De Melo Junior – 75 Pontos

5) Peterson Oliveira / Gilson Rocha – 63 Pontos

 

Pajero TR4ER Master

1) Rodrigo Meinberg / João Luís Stal – 84 Pontos

2) Frederico Macedo / Nickolas Macedo – 84 Pontos

3) Andre Miranda / Alison Pedroso – 78 Pontos

4) Fabricio Zanella Duarte / Elaine Ribeiro Machado – 72 Pontos

5) Yuri Alexander De Oliveira Afonso / Filipe Bianchini De Oliveira – 72 Pontos

 

Pajero TR4 ER

1) Vitor Jose Muench Muench / Jorge Adriano Peters Peters – 87 Pontos

2) Alessandro Cesar Tozoni / Fabio Peralli – 87 Pontos

3) Luiz Claudio Parente / Glauco Alencastro – 72 Pontos

4) Marcos Claudemir Chueda / Marcos Maia Panstein – 72 Pontos

5) Paulo Cesar Gondim / Atonio M C Junior Chagas – 72 Pontos

 

 

Classificação da temporada 2015 da Mitsubishi Cup

 

L200 Triton RS

1) Fernando Ewerton / Alberto Andreotti Neto – 247 Pontos

2) Marcelo Emerick Mendes / Breno De Almeida Rezende – 236 Pontos

3) Ricardo Feltre / Andre Lucas Munhoz – 206 Pontos

4) Marcos Baumgart Stroczynski / Kleber Cincea – 203 Pontos

5) Glauber Fontoura / Rafael Malucelli – 149 Pontos

 

L200 Triton ER

1) Ivan Machado Terni / Eduardo Pereira E Costa – 241 Pontos

2) Pietro Branchina / Henry Ritter Kirst – 199 Pontos

3) Albano Dos Santos Parente Jr. / João Gilberto Ferreira – 177 Pontos

4) Renato Kahn / Gilze Araujo – 166 Pontos

5) Valdir De Lacerda / Elisa Borges Lacerda – 132 Pontos

 

ASX R

1) Peterson Oliveira / Gilson Rocha – 219 Pontos

2) Marcelo Tomasoni / Luis Felipe Eckel – 214 Pontos

3) Wagner Felippe Roncon / Joselito Vieira De Melo Junior – 203 Pontos

4) Fabricio Bianchini / Caio Santos – 179 Pontos

5) Cristian Mai Domecg / Ivo Renato Mayer – 159 Pontos

 

Pajero TR4ER

1) Vitor Jose Muench / Jorge Adriano Peters – 239 Pontos

2) Luiz Claudio Parente / Glauco Alencastro – 228 Pontos

3) Alessandro Cesar Tozoni / Fabio Peralli – 227 Pontos

4) Paulo Cesar Gondim / Antonio M C Junior Chagas – 208 Pontos

5) Marcos Claudemir Chueda / Marcos Maia Panstein – 202 Pontos

 

Pajero TR4 ER Master

1) Ivan Machado Terni / Eduardo Pereira E Costa – 241 Pontos

2) Pietro Branchina / Henry Ritter Kirst – 199 Pontos

3) Albano Dos Santos Parente Jr. / João Gilberto Ferreira – 177 Pontos

4) Renato Kahn / Gilze Araujo – 166 Pontos

5) Valdir De Lacerda / Elisa Borges Lacerda – 132 Pontos

 

Mitsubishi Cup – Calendário 2015*

4ª Etapa – 29/ago – Indaiatuba (SP)

5ª Etapa – 19/set – a definir

6ª Etapa – 17/out – Jaguariúna (SP)

7ª Etapa – 14/nov – Mogi Guaçu (SP)

* Calendário sujeito a alterações. 

Fonte: Mitsubishi