Marcelo Alecrim – Divulgação

A ALE, quarta maior distribuidora de combustíveis do país, se filiou, neste mês, à Associação das Distribuidoras de Combustíveis (Brasilcom), que reúne distribuidoras regionais instaladas em quase todos os Estados do país. O objetivo da companhia é reforçar o posicionamento de ser uma empresa de porte nacional com atuação regional e próxima aos seus revendedores.

 

De acordo com o presidente da ALE, Marcelo Alecrim, a filiação à Brasilcom representa o retorno da companhia à suas origens, uma vez que a empresa foi criada a partir da união de duas distribuidoras regionais: a potiguar SAT e a mineira ALE. “Essa decisão coincide com o momento em que estamos desenvolvendo um novo plano de crescimento, visando acelerar nossa expansão nos próximos anos, sempre ao lado dos nossos revendedores. Estamos também levando para a Brasilcom a experiência que construímos ao longo de mais de 20 anos de atividades e o reconhecimento nacional da marca ALE”, declara.

 

Alecrim reforça que, assim como o Sindicom (Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Combustíveis e de Lubrificantes) e a ALE, a Brasilcom compartilha dos mesmos princípios de respeito à legislação, proteção ao meio ambiente, combate à sonegação fiscal, à adulteração de combustíveis, entre outras fraudes. “A temática da saúde e segurança dos colaboradores e o respeito aos clientes e consumidores também continuam norteando nossa atuação. A filiação à Brasilcom respalda o objetivo de buscarmos melhorias para o nosso setor e continuar oferecendo excelentes serviços aos nossos revendedores e também aos consumidores finais”, acrescenta o presidente da ALE.

 

Para o diretor institucional da Brasilcom, Sérgio Massillon, a filiação da ALE à entidade amplia de forma significativa a representatividade da associação, que, “já reconhecida no mercado como importante porta-voz das empresas regionais, passa a ter uma associada de presença nacional”. Ele ressalta que, assim como as demais afiliadas, a ALE faz parte da parcela das empresas de distribuição de combustíveis que se preocupam com a qualidade de seus produtos e serviços, com o comportamento ético e responsável de seus colaboradores e representantes e também lutam para preservar um mercado competitivo, transparente e cumpridor das obrigações regulatórias, tributárias e legais.

 

“A vinda da ALE para a Brasilcom traz, para o conjunto das associadas, uma importante contribuição, pois, pela dimensão que ocupa no cenário de distribuição de combustíveis no Brasil, pela sua organização profissional e competente, certamente vai somar muito aos esforços das demais associadas para, sempre, caminharmos no sentido de ter um mercado livre de empresas de fachada, sem compromisso com a qualidade de seus produtos e do cumprimento das leis”, afirma Massillon.

 

Com sede no Rio de Janeiro, a Brasilcom foi fundada em 1994 e possui forte atuação na defesa do setor de combustíveis. Durante os 23 anos de atividade, a associação esteve à frente de várias propostas para melhorias do mercado e contribuiu com ideias em diferentes áreas, como abastecimento, biocombustíveis, exploração e produção, fiscalização, gás natural, qualidade e segurança operacional.

 

A Brasilcom é, também, a Federação Nacional das Distribuidoras de Combustíveis, Gás Natural e Bicombustíveis, que reúne cinco sindicatos, o Sindiminas (Betim/MG), Sindisul (Porto Alegre/RS), Sindesc 
(Itajaí/SC), Sicompar
(Araucária/PR) e Sindigoias
 (Goiânia/GO), representando a categoria econômica pertencente ao comércio atacadista de distribuição de combustíveis, gás natural e biocombustíveis. Esses sindicatos agregam, atualmente, 42 distribuidoras de combustíveis com atuação em todo o território nacional.

 

Fundada em 1996, a ALE é a quarta maior distribuidora de combustíveis do país, com uma rede de cerca de 2 mil postos em 21 Estados brasileiros. Em 2016, a empresa faturou cerca de R$ 12,6 bilhões.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...