Líder do certame, Otazú tem sede de vitória - Foto: Sandro de Souza

Líder do certame, Otazú tem sede de vitória – Foto: Sandro de Souza

 

Mesmo com duas vitórias em três participações, Alberto Cesar Otazú não se sente tranquilo na liderança da Taça Amika Ayrton Senna, que terá a sua quinta etapa hoje (25), no Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos (SP). Por isso, o seu objetivo vai além de simplesmente manter a ponta do certame, que sustenta com 90 pontos, três de vantagem sobre Cayto Grotkowsky e oito para Rodrigo Borotto.

 

“Eu não participei da primeira etapa, e isto poderá fazer falta, pois este campeonato é muito competitivo. Preciso vencer mais para ampliar a vantagem e ter uma maior segurança para a segunda metade do campeonato”, planeja o piloto.

 

A abertura do certame foi vencida por Cayto Grotkowsky. A segunda e terceira etapas foram realizadas no mesmo dia, com Alberto Otazú vencendo a primeira prova, e André Mansano levando a segunda corrida, que teve grid invertido. E na última competição realizada Alberto Cesar voltou a vencer, o que o colocou na liderança do campeonato com um dos descartes obrigatórios.

 

“Estou muito focado para esta competição. Se tiver a vantagem de ser sorteado com um kart competitivo, já quero começar lutando pela pole position. Depois quero brigar pela vitória e volta mais rápida, que também concede ponto de bonificação. Se não for possível vencer, tenho que garantir pontuação alta subindo no pódio novamente”, completou o líder, que só em 2017 já subiu 22 vezes no pódio.

 

Confira a classificação dos dez primeiros (com um descarte) da Taça Ayrton Senna após quatro etapas:

1) Alberto Cesar Otazú, 90

2) Cayto Grotkowsky, 87

3) Rodrigo Borotto, 82

4) Akira Eguti, 81

5) Alfredo Salvaia, 79

6) Eric Baraveli, 73

7) Peter Jankowski, 70

8) André Mansano, 69

9) Guilherme Lima, 68

10) Fernando Nassif, 63

Fonte: Organização

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...